Crise imobiliaria

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1277 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 18 de setembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Introdução
A crise mundial começou muito antes de 2008. Na década de 90 a venda de imóveis estava muito devagar nos Estados Unidos, por isso liberaram a compra dos imóveis sem entrada e em muitas parcelas sem se preocupar se os mutuários iriam pagar.
Outro fator para a crise, em 2000, muitas empresas da internet abriram seu capital na bolsa e suas ações subiram muito. Mas não passava deespeculações e em abril do mesmo ano estourou a bolha dessas empresas e as bolsas de valores despencaram.
Por isso, o banco central Americano resolveu a aquecer a economia e baixou os juros. O juros básico que estava em 6,5% ao ano em dezembro de 2000, caiu para 3,5% em agosto de 2001. Ou seja, quando os juros caem, a sociedade e as empresas pegam mais empréstimos. As empresas contratam e a sociedadecom emprego e crédito no bolso, compra mais. Girando assim a economia.
Em 11 de setembro de 2001, a Al-Queda resolveu fazer um atentado contra os Estados Unidos e com isso a economia mundial se retraiu afetando prncipalmente o turismo em Nova York. Esse fato foi mais um motivo para o banco central americano continuar baixando os juros, que chegaram a 1% ano em 2003.
O Presidente americano GeorgeW. Bush decidiu aquecer mais a economia em 2002, subsidiando a entrada para a casa própria. Com a regra frouxa e juro baixo, todos queriam empréstimos. Os bancos começaram a dar hipotecas para quem tinha estabilidade quanto para quem não tinha renda fixa. Com os preços altos dos imóveis, era possível financiar a diferença. Por exemplo, se a hipoteca era de US$100 mil e a casa valia U$150 mil nomercado, o mutuário pegava a diferença em um novo empréstimo, dando o mesmo imóvel como garantia. E esse dinheiro era usado para o consumo.
Assim os bancos encontraram formas de ganhar mais dinheiro. O mercado financeiro começou a juntar garantias de varias hipotecas e vender em forma de títulos. Esses títulos iam passando de banco em banco espalhando-se pelo o mundo inteiro. Os governos nãofiscalizavam e ninguém esperava calote dos mutuários.
Como a procura estava muito grande, o banco central americano começou a se preocupar com a inflação. Em 2004 começou a elevar os juros e sempre que os mesmos sobem, o consumo cai. Ou seja, os mutuários se endividaram com juros baixos, e a sociedade que não tinha renda fixa não estava conseguindo pagar as prestações. A inadimplência subia e o preçodos imóveis caia.
Em 2007, as pessoas que não estavam conseguindo pagar estavam sendo despejadas. O banco central americano fez grandes empréstimos aos bancos e endureceu as regras no mercado imobiliário. No começo de setembro de 2008, os Estados Unidos teve que intervir nas duas grandes agencias de imobiliário. E no meio de setembro o banco de investimentos, Lehman Brothers faliu.
Começou umclima de pânico geral no mundo. Todas as bolsas de valores caíram. As empresas que tinham títulos sofreram grandes perdas, por isso acabaram demitindo as pessoas para cortar custos. A sociedade sem emprego consequentemente sem dinheiro parou de pagar as hipotecas.
Os governos de todo o mundo anunciaram pacotes bilionários para ajudar, incluindo dinheiro diretamente para o consumidor e corte nosimpostos. Bem devagar a economia deu sinal de recuperação e as bolsas de valores conseguiram se recompor.
Diante desta situação toda, neste ano o governo americano juntamente com o banco central americano anunciou que vai colocar no mercado U$600 bilhões de dólares, 6% do PIB americano, para comprar ativos podres que esta nas mãos das instituições financeiras e com isso a normalização da economia.Análise geral e do setor do objeto de estudo

Com a desvalorização do dólar ou a valorização do real, as exportações brasileiras ficam mais caras e as importações se tornam mais baratas em relação aos concorrentes, um exemplo, o Presidente do conselho de administração do grupo Gerdau, Jorge Gerdau fez a seguinte declaração: ” o governo precisa frear a entrada de capitais estrangeiros no...
tracking img