Crise imobiliária americana

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (380 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 28 de junho de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
A Crise Imobiliária dos Estados Unidos.

Em 2007, os EUA vieram a sofrer mais uma crise de proporções mundiais: a crise imobiliária. Na época, os financiamentos bancários para aquisição de imóveisestavam sendo feitos com certa irresponsabilidade, pois a maioria que obtinha tais créditos não tinha condição de assumi-los, ou, até melhor, de paga-los.
Os Estados Unidos mantinha grande parte desua economia à base do endividamento. Lá, parte da população comprava tudo no que, por aqui, conhecemos como crediário. Os bancos liberavam grandes quantidades de crédito para compra de casas a pessoasque tinham alto risco de inadimplência. A inadimplência de fato ocorreu e, além dos prejuízos com a inadimplência, o setor bancário teve fortes perdas com títulos. Os bancos com maiores problemas seviram à beira da falência e precisaram da ajuda do governo americano. A situação colocou em risco o sistema bancário e por sua vez toda a economia, pois se instalou uma grave crise de confiança e osbancos não queriam mais emprestar. Sem créditos, houve uma desaceleração total na economia, pois foram cortados investimentos e projetos. Com o medo da crise e as incertezas, os investidores sedesfizeram de suas ações, levando à queda das Bolsas.
No combate à crise, uma série de ações foi tomada por bancos centrais em todo o mundo: cortes de juros, injeções de liquidez no setor financeiro daeconomia, nacionalizações de empresas do setor e controle estatal de tradicionais companhias de crédito imobiliário.
A crise no mercado imobiliário norte-americano tinha a possibilidade de provocar umagrave recessão na economia mundial, chegando a afetar até mesmo a economia brasileira. Mas, o senso geral era de que os países membros do BRIC (grupo de países emergentes que inclui Brasil, China,Rússia e Índia) estavam menos vulneráveis que as economias já desenvolvidas. Então, o Brasil não sofreu o impacto da crise como países europeus e asiáticos sofreram. No Brasil, a principal forma de...
tracking img