Crise feudal

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1475 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 12 de novembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Trabalho de História - 4º Bimestre
3º ano do Ensino Médio

A partir do século XIV o sistema feudal entra em crise. Esta crise tem suscitado inúmeros problemas e debates, valendo ressaltar aqueles que dizem respeito à origem das cidades e a importância da atividade comercial como elemento de desagregação do Feudalismo.
Com relação ao primeiro item, durante muito tempoaceitaram-se como indiscutíveis as colocações do historiador belga Henri Pirenne, para quem as cidades tinham origem fundamentalmente comercial e burguesa. Argumentava Pirenne que teriam sido os mercadores itinerantes (mascates ou “pés-de-poeira”) os responsáveis pelo surgimento das cidades, na medida em que passavam a se fixar em volta dos castelos (burgos) ou então próximos aos entroncamentos de estradas,pontos de passagem obrigatória dos demais mercadores.
Esta posição de Pirenne tem sido, no entanto, bastante discutida nos últimos tempos. Novas pesquisas, levadas a efeito principalmente por autores marxistas, procuram demonstrar que, na realidade, as cidades surgiram em função da própria expansão feudal, ocorrida a partir do século XI.
Como assinala o historiador Kosminsky, “naépoca feudal, cada servo era, ao mesmo tempo, um artesão. Provia-se e provia o senhor tanto dos produtos agropecuários como do artesanato. Com o desenvolvimento da vida econômica, aperfeiçoaram-se os instrumentos de trabalho e apareciam novos produtos. Começaram a ser produzidos mais utensílios de ferro, tecidos de lã e a serem construídas casas de pedras. Tais obras só podiam ser feitas por artesãosespecializados. Eis porque apareceram pessoas que se especializavam num ofício determinado. Assim foi-se separando o trabalho artesanal do trabalho agrícola. Apareceram os ferreiros, os tecelões, etc.” (KOSMINSKY, E. A. História da Idade Média. Lisboa, Centro do Livro Brasileiro, s/d, p.79.)
Estes artesãos que viviam nos feudos começaram a abandonar seus senhores e formar povoados que dariamorigem às cidades da época, já em meados do século XL Com isto, cidade e campo se integram através de constantes trocas comerciais, utilizando-se moedas. Pode-se, pois, considerar que o desenvolvimento das cidades e do comércio são elementos da própria expansão do Feudalismo. Veja-se, por exemplo, esta passagem de Giuliano
Proccacci:
“... o comércio não foi de modo algum um dissolvente dasociedade feudal, mas sim o produto natural desta mesma sociedade, e que mesmo a classe feudal (...) encorajou até certo ponto seu desenvolvimento.” (PROCCACCI, G. Apresentação. In: SANTIAGO, Théo. (org.) Do Feudalismo Ao capitalismo. Uma Discussão Histórica. São Paulo, Contexto, 1988, p.55.)
Importa lembrar que essa discussão sobre a origem das cidades deve-se, em grande parte, a um acesodebate que se verificou entre economistas e historiadores a respeito do papel do comércio como elemento de desintegração do Feudalismo.
Esse debate se iniciou a partir da publicação da obra de Maurice Dobb “Studies in the development of capitalism” (Estudos sobre o desenvolvimento do Capitalismo, 1946). Nessa obra, traduzida no Brasil com o nome de “A Evolução do Capitalismo”, Dobb afirmava opapel da superexploração servil como elemento fundamental para a desagregação do Modo de Produção Feudal. Suas idéias foram discutidas por um autor norte-americano, Paul Sweezy que, retomando as idéias de Pirenne, insistia em que o surgimento da atividade comercial fora o elemento fundamental para a desagregação do Feudalismo, na medida em que o comércio seria incompatível com uma “economianatural”.
A partir dessas duas posições, travou-se enorme discussão, envolvendo outros autores que, de um modo geral, davam plena razão a Dobb, demonstrando que Sweezy, em seu trabalho, apresentava grandes falhas teóricas. Um Modo de Produção, qualquer que seja ele, entra em crise e em processo de desintegração necessariamente por fatores “internos” e não por elementos “externos”. Sweezy...
tracking img