Crise economica

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 3 (521 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 30 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
A BBC visitou nos Estados Unidos acampamentos de sem abrigo, cada vez mais numerosos desde o início da crise económica de 2008. Dados oficiais apontam para que 47 milhões de americanos vivem abaixodo limiar da pobreza e este número está a aumentar. Actualmente há 13 milhões de desempregados, três milhões a mais do que quando Barack Obama foi eleito Presidente. Algumas estimativas calculam quecerca de 5000 pessoas se viram obrigadas a viver em barracas em acampamentos.

O maior deles é Pinella Hope, na Flórida, região conhecida por abrigar a Disney World. Uma entidade católica organiza olocal e oferece alguns serviços aos residentes, como máquinas de lavar roupa, telefones e computadores. Muitos acampamentos são organizados, fazem reuniões e são distribuídas tarefas comunitárias. Paraalguns, com poucas perspectivas de arranjar trabalho, as barracas são uma condição de habitação semi permanente.

Várias pessoas tinham vidas confortáveis típicas da classe média, mas agoradeitam-se em travesseiros com tanto mofo quanto os seus cobertores, num Inverno rigoroso em que as temperaturas baixam a muitos graus negativos. ” Esfregamos literalmente o nosso rosto no mofo, todas asnoites na hora de dormir.” diz Alana, uma residente do acampamento à equipa de BBC. Enquanto que uma criança diz no vídeo: “A minha mãe comeu ratos”.

Dados oficiais revelam que cerca de 47 milhões denorte-americanos vivem abaixo da linha pobreza e que este número só vem crescendo.

Hoje os EUA tem 13 milhões de desempregados, em cifras oficiais, mas o governo faz várias manobras nessacontabilização, não considerando, por exemplo, as pessoas que não procuraram emprego no último mês, aqueles que têm emprego de meio período, emprego sem carteira assinada, jovens que nunca tiveram emprego ouquem desistiu de procura-lo. Se levarmos em consideração essas outras condições, esse número pode facilmente dobrar. 46 milhões de pessoas vivem do vale-refeição do governo nos EUA.

A violência...
tracking img