Crise de 1929

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 14 (3386 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 26 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Grandes mitos da Grande Depressão

Por Lawrence W. Reed·16/02/2009·
Ensaio·Tagged: Ensaios, Lawrence W. Reed

por Lawrence W. Reed

Muitos livros têm sido escritos sobre a Grande Depressão e seu impacto nas vidas de milhões de americanos. Historiadores, economistas e políticos têm vasculhado os destroços à procura da “caixa preta” que revelará a causa dessa lendária tragédia.Infelizmente, muitos deles decidem abandonar sua busca, talvez achando mais fácil propagar uma série de conclusões falsas e nocivas sobre os acontecimentos de sete décadas atrás.

Quão grave foi a Grande Depressão? Nos quatro anos entre 1929 e 1933, a produção das fábricas, das minas e dos serviços de infra-estrutura do país despencou mais de 50%. A renda realmente disponível das pessoas caiu 28%. Ospreços das ações desabaram a 10% do seu valor de pico de antes da crise. O número de americanos desempregados subiu de 1,6 milhões em 1929 a 12,8 milhões em 1933. Um de cada quatro trabalhadores estava sem emprego no nadir da Depressão, e rumores ameaçadores de revolta ferviam pela primeira vez desde a Guerra Civil.

Os velhos mitos não morrem jamais; eles simplesmente continuam aparecendo emlivros-texto universitários de economia e ciências políticas. Os estudantes hoje frequentemente recebem lições de que o livre mercado desregulado desmoronou pelo seu próprio peso em 1929, abrindo caminho para uma depressão econômica de uma década, cheia de penúria e de miséria. O presidente Herbert Hoover é apresentado como um defensor da política econômica do “não se meta”, ou do laissez-faire,enquanto seu sucessor, Franklin Roosevelt, é o salvador da economia cujas políticas trouxeram-nos a recuperação. Esse relato popular da Depressão é próprio de um livro de contos de fadas e não de uma discussão séria de história econômica, como um exame dos fatos demonstra.

A Grande, Grande, Grande, Grande Depressão

Para compreender adequadamente os acontecimentos da época, é conveniente ver aGrande Depressão não como uma, mas como quatro depressões consecutivas combinadas em uma só. O professor Hans Sennholz denominou essas quatro “fases” da seguinte maneira: o ciclo de negócios; a desintegração da economia mundial; o New Deal; e a lei Wagner [1].

A primeira fase explica por que a crise de 1929 ocorreu; as outras três mostram como a intervenção do governo manteve a economia emletargia por mais de uma década.

Primeira fase: o ciclo de negócios

A Grande Depressão não foi a primeira depressão do país, embora tenha se revelado a mais longa delas. O traço comum verificado nos vários colapsos anteriores foi o manejo desastroso da oferta de moeda pelo governo. Por vários motivos, foram adotadas políticas de governo que inflaram a quantidade de moeda e de crédito,resultando em um surto de crescimento, seguido depois por um dia doloroso de ajuste de contas. Nenhuma das depressões americanas anteriores à de 1929, no entanto, durou mais de quatro anos e a maioria delas acabou em dois. A Grande Depressão durou doze anos porque o governo uniu seus erros monetários a uma série de intervenções danosas.

A maioria dos economistas monetaristas, especialmenteaqueles da “escola austríaca”, observou a relação estreita entre a oferta de moeda e a atividade econômica. Quando o governo infla a oferta de moeda e de crédito, as taxas de juros inicialmente caem. As empresas investem esse “dinheiro fácil” em novos projetos produtivos e um surto de crescimento tem lugar nos bens de capital. À medida que o surto amadurece, os custos dos negócios aumentam, as taxas dejuros reajustam-se para cima e os lucros comprimem-se. Os efeitos do dinheiro fácil, assim, esgotam-se e as autoridades monetárias, temendo a inflação dos preços, diminuem o crescimento ou até mesmo contraem a oferta de moeda. Em ambos os casos, a manobra é suficiente para derrubar os fundamentos instáveis do castelo de cartas da economia.

Um dos relatos mais profundos e meticulosamente...
tracking img