Criminologia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1082 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 7 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
CRIMINOLOGIA

A criminologia é uma ciência empírica que se ocupa do crime, do delinqüente, da vítima e do controle social do delitos. Baseia-se na observação, nos fatos e na prática, mais que em opiniões e argumentos, é interdisciplinar e, por sua vez, formada por outra série de ciências e disciplinas, tais como a biologia, a psicopatologia, a sociologia, política, etc.

Quando nasceu, acriminologia tratava de explicar a origem da delinqüência, utilizando o método das ciências, o esquema causal e explicativo, ou seja, buscava a causa do efeito produzido. Pensou-se que erradicando a causa se eliminaria o efeito, como se fosse suficiente fechar as maternidades para o controle da natalidade.

Academicamente a Criminologia começa com a publicação da obra de Cesare Lombroso chamad"L'Uomo Delinquente", em 1876. Sua tese principal era a do delinqüente nato.

Já existiram várias tendências causais na criminologia. Baseado em Rousseau, a criminologia deveria procurar a causa do delito na sociedade, baseado em Lombroso, para erradicar o delito deveríamos encontrar a eventual causa no próprio delinqüente e não no meio. Um extremo que procura as causas de toda criminalidade nasociedade e o outro, organicista, investigava o arquétipo do criminoso nato (um delinqüente com determinados traços morfológicos)... (Veja Rousseau, Personalidade Criminosa)

Isoladamente, tanto as tendências sociológicas, quanto as orgânicas fracassaram. Hoje em dia fala-se no elemento bio-psico-social. Volta a tomar força os estudos de endocrinologia, que associam a agressividade do delinqüente àtestosterona (hormônio masculino), os estudos de genética ao tentar identificar no genoma humano um possível "gene da criminalidade", juntamente com os transtornos da violência urbana, de guerra, da fome, etc.

De qualquer forma, a criminologia transita pelas teorias que buscam analisar o crime, a criminalidade, o criminoso e a vítima. Passa pela sociologia, pela psicopatologia, psicologia,religião (nos casos de crimes satânicos), antropologia, política, enfim, a criminologia habita o universo da ação humana. A nós interessará a criminologia que diz respeito à psiquiatria
A criminologia é uma ciência fundamentada na observação, nos fatos e na prática, mais que em conceitos e julgamentos, interage com as demais ciências e não se relaciona somente ao crime, senão também do delinqüente, davítima e do controle social do delito. Como interdisciplinar é constituída por outra série de ciências e disciplinas, tais como a biologia, a psicopatologia, a sociologia, política, etc. Assim, Criminologia define-se, em regra como sendo o estudo do crime e do criminoso, isto é criminalidade. Não é uma ciência independente, mas vinculada à Sociologia, à análise científica do aparato da nossasociedade. Não é tarefa fácil para a Criminologia lidar com a criminalidade, hoje mutante, em inúmeros aspectos assim como com a violência, extremamente banalizada em nossos dias. Trataremos do tema criminalidade com enfoque na criminologia, com fim de destrincharmos o mais profundo dos recônditos do subjetivo humano, objetivando uma maior compreensão dos motivos que conduzem ou induzem ao crime, paraisto, usamos de toda fonte de informação, inclusive on-line, possível de ser coletada, livros teóricos assim como artigos informativos, com intuito de somarmos esforços à sociedade e a comunidade jurídica, para que um dia possamos viver em uma comunidade pacífica e harmoniosa.
A criminologia é um conjunto de conhecimentos que se ocupa do crime, da criminalidade e suas causas, da vítima, docontrole social do ato criminoso, bem como da personalidade do criminoso e da maneira de ressocializá-lo. Etmologicamente o termo deriva do latim crimino (crime) e do grego logos (tratado ou estudo), seria portanto o "estudo do crime".[1] É uma ciência empírica e interdisciplinar. É empírica, pois baseia-se na experiência da observação, nos fatos e na prática, mais que em opiniões e argumentos. É...
tracking img