Crescimento brachiaria brizantha

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2125 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 7 de maio de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
INTRODUÇÃO

O Brasil é um país com 845 milhões de hectares. Do total de seu território, 28 % é considerado área agricultável. Nesse contexto, as pastagens naturais e cultivadas aparecem com excepcional destaque ocupando cerca de 177 milhões de hectares, ou seja, 73 % da área do setor agropecuário (IBGE, 1996).
As gramíneas do gênero Brachiaria , de origem Africana , foram introduzidas noBrasil a partir da década de 1950 . Entretanto a verdadeira expansão ocorreu nas décadas de 1970 e 1980, principalmente nas regiões de clima mais quente (ZIMMER et al., 1988).Na região do cerrado , a introdução do gênero Brachiaria foi sem dúvida alguma , o elemento responsável pela grande expansão da pecuária .Estima-se que no Brasil 85% das pastagens implantadas seja do gênero Brachiaria(KELLER –GREIN et al ., 1996) .
O gênero Brachiaria é constituído por cerca de cem espécies. No Brasil, foram encontrados 15 espécies deste gênero, sendo sete de introdução recente: B. brizantha , B. decumbens ,B. dictoneura, B.humidicola , B. arrecta , B. ruziziensis , e B. vittata.As outras espécies foram introduzidas há várias décadas e são consideradas naturalizadas: B.extensa , B.mutica e B.plantagíena .Além dessas ocorrem cinco espécies nativas : B. adspersa , B. fasciculata , B. mollis , B. reptens , e B. venezuelae .(SOARES FILHO , 1996).
O gênero avaliado neste trabalho Brachiaria brizantha cv. La Libertad MG4 originária da África Tropical, avaliada por uma empresa de sementes.
A Brachiaria brizantha cv. La Libertad MG4 é uma planta perene, que forma touceiras decumbentescom altura entre 0,75 e 1,5m. As folhas são glabras, de cor verde intenso, apresentando pigmentação arroxeada no extremo inferior, medem16 a 40 cm de comprimento por10 a 20 mm de largura. A inflorescência é uma panícula racemosa de 10 a 20 cm de comprimento, com coloração arroxeada na raquis.(MERCADO RURAL CENTRO , 2010)
Quanto a exigência de manejo apresenta necessidade de mais de 800 mm deprecipitação pluviométrica anual, apresentando boa resistência ao frio e à seca. Apresenta um bom comportamento em solos de média a baixa fertilidade, ou mal drenados um posicionamento intermediário entre a Brachiaria decumbens e a B. brizantha cv. Marandu. Apresenta boa tolerância a seca, resistente ao frio, ao fogo e ao sombreamento. Porém não tolera encharcamento e alagamento, além de sersuscetível a cigarrinhas das pastagens (AGROMUNDO, 2010).
A produção varia em torno de 10 a 12 toneladas de matéria seca/ha/ano, com 9 a 11% de teor de Proteína na Matéria Seca e digestibilidade in vitro em torno de 60%. Apresenta boa aceitabilidade e digestibilidade com alta capacidade de rebrota. Seu ciclo vegetativo é perene a profundidade para semeadura recomendada é de um a dois centímetros podeser cultivada em consórcio com todos os tipos de leguminosas . Sua utilização é comum para pastoreio direto e fenação.

METODOLOGIA

As aulas práticas foram realizadas do dias 17 de Agosto de 2010 até dia 15 de Setembro de 2010, no canteiro experimental de forragicultura, da Faculdade de Ciências Agrárias (FCA), da Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD), na disciplina de forragicultura,ministrada pela professora Drª Beatriz Lempp.
No canteiro de forragicultura nós escolhemos a cultivar Brachiaria brizanta cv. La Liberdad, onde demarcamos duas touceiras semelhantes da gramínea e também demarcamos três perfílhos vegetativos ao acaso em outra parte do canteiro.
Na touceira 1, foi feito o corte não eliminando o meristema apical(os em estágio vegetativo) e marcamos dez perfilhosos quais foram observados duas vezes por semana (terça-feira e sexta-feira), verificando o crescimento e expansão de novos perfilhos basais ou axilares.
Na touceira 2, Foi feito o corte eliminando todos os meristemas apicais dos perfilhos, que também foram observados duas vezes por semana, verificando se ocorreu expansão hierárquica de novos perfilhos.
E nos três perfilhos vegetativos...
tracking img