Crítica do filme: sem reserva

NOME: Maria Nêrilda Sousa Lourenço
DISCIPLINA: Gestão de Alimentos e Bebidas
PROFESSOR(A): Eline Alves
DATA: 25.02.2013

1. Faça uma crítica sobre o comportamento e confecção dos pratos doFilme: “Sem Reservas”. Analise vestimentas, atendimento, relacionamento, pratos, gestão etc. (Mínimo 15 linhas).

O filme relata a história de Kate, uma chef de cozinha muito exigente e apaixonadapelo seu trabalho. Muito detalhista e preocupada com a satisfação dos clientes. Mas há momentos de desavenças dentro do trabalho dela com cliente inconveniente e não satisfeitos com pedido, Kate sai dacozinha e vai até a mesa do cliente com a carne crua em um espeto e a clientela chega a levantar-se e ficar observando a atitude dela enquanto gerente pede desculpa da eventualidade, a proprietáriapega a carne em um pano posto na mesa retirando e repassa a um funcionário, enquanto Kate se retirar seu avental e sai do estabelecimento pegando um taxi e vai pra casa.

Mesmo fazendo visitas aoseu psicólogo recomendado por sua patroa, ela não deixa de levar pratos feitos e aperfeiçoando o modo de apresentá-lo para ser saboreado.

Kate sempre atenta a tudo o que acontece com seus amigos detrabalho, mesmo quando recebe uma ligação do hospital informando-a que ela acaba de perder sua irmã em um acidente e que a sua sobrinha precisa dela, fazendo ela se afastar do trabalho por uns dias.Mas ao retorna a seu trabalho ela se depara com uma cena inusitada, o novo chef em sua cozinha que ela tanto ama. Ela chega confrontá-lo desligando o som em que ele escutava. No meio disso tudo eladiscute com a dona dentro da adega enquanto o restaurante está lotado.

Enfim, o filme conta e mostra um pouco do que acontece em um restaurante desde fornecimento dos alimentos que Kate faz questão deir ao super mercado só pra conferir a qualidade dos peixes que seus fornecedores lhe oferecem, a escolha dos vinhos que são escolhidos dentro de uma reunião que faz todos os dias. A compra de...
tracking img