Cotas para Negros

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 13 (3236 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 13 de julho de 2014
Ler documento completo
Amostra do texto
DAYANA ADRIANA SILVA NASCIMENTO
KELLY CRISTINA PEREIRA
MAYARA MIDORI TOYAMA RUFINO

COTAS PARA NEGROS E DEPENDENTES
QUÍMICOS: POLÍTICA PÚBLICA A FIM DE
REDUZIR A EXCLUSÃO.

LAVRAS – MG
2014

2

DAYANA ADRIANA SILVA NASCIMENTO
KELLY CRISTINA PEREIRA
MAYARA MIDORI TOYAMA RUFINO

COTAS PARA NEGROS E DEPENDENTES QUÍMICOS: POLÍTICA
PÚBLICA A FIM DE REDUZIR A EXCLUSÃO

ORIENTADORA:SABRINA SOARES DA SILVA

Projeto de pesquisa, realizado como pré-requisito para aprovação na matéria
de Metodologia da Pesquisa na Administração, do segundo período do curso
de Administração Pública da Universidade Federal De Lavras.

LAVRAS
MG
2014

3

RESUMO

A criação de cotas para ingresso nas universidades e no serviço público é
algo que tem gerado polemica, logo se faznecessário um estudo sobre a
opinião da população sobre o tema para que os gestores possam aprimorar
tais políticas publicas. Portanto, este trabalho objetiva colher as opiniões dos
Lavrenses sobre a política de cotas. Para tanto será utilizado o método
interpretativo com a realização de entrevistas semiestruturadas com a
população. Espera-se com isso, como resultado, obter informações que
possamser uteis aos gestores para avaliação e adequação dessas políticas
afirmativas a fim de que se tornem mais próximas do que a população
deseja.

4

SUMÁRIO

1.

INTRODUÇÃO ............................................................................................................................. 5
1.1.
1.2.

2.

PROBLEMA DE PESQUISA..................................................................................... 6
OBJETIVO .................................................................................................................. 6

REFERENCIAL TEÓRICO ........................................................................................................ 7

2.1. CONTEXTO HISTÓRICO.......................................................................................................... 7
2.2. AS COTAS RACIAIS NOS CONCURSOS PÚBLICOS ....................................................... 9
2.3.

EMBASAMENTO CONSTITUCIONAL DAS COTAS

RACIAIS .............................................................................................................................. 10
2.4.

POR QUE AS COTAS RACIAIS GERAM TANTAS

POLÊMICAS?...................................................................................................................... 13
3.

PROCEDIMENTOS METODOLÓGICOS ............................................................................ 14
3.2. COLETA DE DADOS .................................................................................................. 15
3.2. INTERPRETAÇÃO DOS DADOS.............................................................................. 16

4.

CRONOGRAMA ........................................................................................................................ 17

5.

ORÇAMENTO ............................................................................................................................ 18

5

1. INTRODUÇÃO

O sistema de cotas noBrasil foi adotado com a finalidade de
inserir e reservar vagas a um grupo específico da sociedade. Com a
tentativa de dar acesso a negros, índios, deficientes e estudantes de
colégios do Estado em vestibulares e concursos públicos.
Tais cotas servem como um incentivo, e ajuda na concorrência
desses grupos de pessoas com a demais população brasileira a fim de
reduzir a exclusão.
Essa açãoafirmativa foi definitivamente inserida no Brasil no
ano de 2000, quando as instituições federais resolveram adotar as
cotas em vestibulares e concursos públicos. A primeira universidade a
adotar tal política, foi a Universidade de Brasília (UnB) e desde então
o número de instituições que adotaram as cotas foram só aumentando.
Por mais que tal ação afirmativa foi criada para diminuir o...
tracking img