Corrente do bem

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 3 (749 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 5 de dezembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Reflexão Ética – A Corrente do Bem
Por: Adriana Dourado

O que eu quero da vida? Quero ser feliz!

Mas o que é ser feliz? Eis a questão!

Para uns a felicidade está em buscar o prazer. Paraoutros, os prazeres provocam instabilidade, dor e sofrimento, por isso o ideal seria sufocar as paixões. Há quem pense que a perfeita felicidade, só se encontra na vida futura, realizando-se em Deus.Para outros, ainda, não é a felicidade que importa, o que vale é agir conforme o dever.

Essas questões, que certamente, qualquer pessoa já se colocou muitas vezes, também tem sido preocupação dospensadores através dos tempos. Ora, uma das preocupações do homem ao se comportar moralmente é saber distinguir o bem do mal, ao se perguntar como deve agir em determinada situação, certamente seaproxima de outras situações mais teóricas e abstratas tais como: Em que consiste o bem? Qual o fundamento da ação moral? Qual a natureza do dever? Colocando tais questões, estará entrando no campo da ética,teoria que realiza a reflexão crítica sobre a experiência moral e que tem por fim discutir as noções e princípios que fundamentam a conduta moral.

O conteúdo do filme “A Corrente do Bem” tem a suaessência totalmente ética, trazendo especulações sobre comportamento humano no cotidiano de suas vidas. Partindo de uma proposta extremamente desafiadora o professor de Estudos Sociais incita seusalunos a encontrarem uma ideia que possa transformar o mundo. O pequeno Trevor, em meu entender, personagem principal do enredo, diante da realidade que o cerca, compreende que para haver transformaçãoas pessoas precisam possuir um sentido de vida que proporcione a elas a tão sonhada felicidade. Em sua tarefa escolar, ele enxerga uma saída propondo mudança a partir do agir de acordo com o bem.Podemos dizer a reflexão ética se inicia no mundo ocidental na Grécia antiga, no século V a.C., quando se acentua o desligamento da compreensão de mundo baseado nos relatos míticos. Os sofistas...
tracking img