Copa do mundo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1047 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 9 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
A copa do mundo
Criada pelo francês Jules Rimet, após ter assumido o comando da FIFA, 1928.
A primeira edição foi em 1930, no Uruguai, pois o país ficou conhecido por se tornar bicampeão nos Jogos Olímpicos e também comemorava o centenário de sua independência. Tendo como campeão o Uruguai.
Em 1950, após o final da guerra, a copa foi sediada no Brasil pela primeira vez, mas perdeu a final parao Uruguai no maracanã, e só em 1958 o Brasil ergueu pela primeira vez a taça na Suécia.

A taça Jules Rimet foi roubada tres vezes.
Sendo a primeira vez na Itália, durante a segunda guerra mundial. A segunda vez foi na Inglaterra em 1966, quando estava em exposição em Londres, uma semana depois foi encontrada por um cão, que vasculhava um arbusto, recebendo como premio um suprimento de raçãopelo resto de sua vida.
A terceira foi no Brasil, quando ela ganhou o direito da posse permanente, pela surpresa de todos, por acharem eu até o ladrão amasse o futebol a taça foi roubada no Rio de Janeiro, os bandidos derretaram e tranformaram em barras de ouro, acabaram presos, mas soltos tempos depois.

Destaque
A Organização das Nações Unidas (ONU), quando lançou em março de 2010 o primeirorelatório completo sobre o impacto de megaeventos esportivos nos países que os sediam, concluiu que a organização de Copas do Mundo e Olimpíadas, entre outros eventos similares, gerou milhares de expulsões e despejos forçados, a redução do acesso à moradia, operações contra sem-teto e a discriminação dos grupos marginalizados. Segundo o documento, na África do Sul, 20 mil moradores de um dosmaiores assentamentos informais do país, chamado Joe Slovo, foram realocados para áreas mais distantes da cidade; em Pequim, mais de 1,5 milhão de pessoas foram deslocadas em função das Olimpíadas de 2008.
No Brasil, tal cenário não seria diferente. A responsável pelo documento da ONU é a urbanista brasileira Raquel Rolnik, diz ter recebido inúmeras denúncias de remoções e despejos para a preparaçãoda Copa do Mundo de 2014 nas cidades de São Paulo, Rio de Janeiro (nesta, também por conta das Olimpíadas de 2016), Belo Horizonte, Porto Alegre, Natal e Fortaleza.
Obras e moradia 
Na Zona Leste de São Paulo, estima-se que as obras possam afetar aproximadamente 15 comunidades. Com a falta de informações oficiais por parte da prefeitura, os moradores não sabem o que pode acontecer a eles. O quese sabe, e se tornou público, foram as plantas oficiais das obras de infraestrutura na região, apresentadas pelo secretário municipal do Desenvolvimento Urbano, Miguel Luiz Bucalem, em agosto deste ano, no 2º Seminário sobre o Desenvolvimento da Zona Leste de São Paulo. No projeto, constam construções como a do Parque Linear – uma enorme área verde que abrange as comunidades da Favela da Paz,Miguel Inácio Cury I, Francisco Munhoz Filho e Lavios  –, polos tecnológico e econômico, novas avenidas, alças de ligação e adequações viárias que literalmente passam por cima das comunidades.
“O anúncio da Copa foi feito há quase cinco anos e até agora nada foi informado e esclarecido. As famílias não sabem o que vai acontecer, pra onde elas irão, como e de que forma, mas o projeto mostra claramenteas obras sobre suas moradias”,
Muitas famílias já receberam a proposta de indenização da prefeitura no valor de R$ 5 mil e uma bolsa aluguel no valor de R$ 300, paga durante seis meses, para deixarem o local. Outras já estão inseridas em projetos habitacionais como o da Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano do Estado de São Paulo (CDHU), como é o caso da comunidade de Caititu. Masainda assim a insegurança é permanente.
A remoção destas famílias faz parte da lógica da especulação imobiliária. Grandes eventos como a Copa se tornam pretextos para a retirada da população mais pobre de áreas até então não valorizadas e o deslocamento delas para lugares mais distantes do centro.

Direito
Enquanto negocia mudanças na Lei Geral da Copa, a FIFA trabalha também para promover...
tracking img