Controle interno

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 21 (5048 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 18 de novembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
[pic]

SUMÁRIO

1 INTRODUÇÃO 3

2 DEFINIÇÃO DA CADEIA DE SUPRIMENTOS 4
2.1 CARACTARÍSTICA DA CADEIA DE SUPRIMENTOS 5
2.1.1 Localização das organizações 5
2.1.2 Distribuição física 5
2.1.3 Administração de Estoques 5
2.1.4 Modo de Transportes 6
2.1.5 Fluxo de Informação 6
2.1.6 Estimativas 6
2.1.7 Relacionamentos 6

2.2 DIAGNÓSTICO - CADEIA DE SUPRIMENTOS NA PRÁTICA 7

3ADMINSTRAÇÃO DE PRODUÇÃO E FUNÇÃO DE PRODUÇÃO 10
3.1 DIAGNÓSTICO - FUNÇÃO DE PRODUÇÃO NA PRÁTICA 12
3.1.1 Estratégia de produção 12
3.1.2 Arranjos físicos e fluxos produtivos 13
3.1.3 Arranjos produtivos 13
3.1.4 Ergonomia 14
3.1.5 Funções indiretas a poerações de produção 14 14

4 ESTATÍSTICA NO CONTEXTO EMPRESARIAL 15
4.1 DIAGNÓSTICO - ESTATÍSTICA NA PRÁTICA 16

5 SISTEMAS DE INFORMAÇÃO 175.1 DIAGNÓSTICO - SISTEMAS DE INFORMAÇÃO E TECNOLOGIAS DE INFORMAÇÃO NA PRÁTICA 19

6 CONCLUSÃO 21
REFERÊNCAIS 22

INTRODUÇÃO

Em um mercado cada vez mais globalizado as ênfases das empresas de hoje estão pautadas na qualidade, no aumento da produtividade, em reduzir custos, no cliente e em manterem-se competitivas. E para que possam alcançar seus objetivos e permaneceremneste mercado, faz-se necessário que as mesma sejam capazes de unirem esforços, integrarem processos, buscarem estratégias, gerenciar informações, possuírem visões sistêmica, estrutural e interna de seus negócios, ou seja, alcançar vantagem competitiva por meio da utilização de atividades recursos, ferramentas e sistemas organizacionais que ajudem as empresas a entregar mais valor para o cliente, semque ele tenha que pagar mais por isso, e também que as mesmas obtenham o lucro desejado.
E para melhor compreensão destes conceitos o presente trabalho fará um breve estudo de atividades, ferramentas e sistemas organizacionais, que podem conferir as empresas vantagens competitivas, os quais são: Gestão da cadeia de suprimentos; Função de produção; Sistemas de informação eferramentas estatísticas. Não só de forma conceitual, mas também de forma prática através de um diagnóstico realizado em uma filial da Indústria e Comércio de calçados e Artigos em Couro Mariner, recém-instalada na cidade de Colinas do Tocantins, situada na Região Norte do país. Embora as Indústrias Mariner, com sede na cidade de Franca, São Paulo, estar a vinte seis anos no mercado, suas instalações nestacidade completam apenas dois anos.

Definição de cADEIA DE sUPRIMENTOS

Baseando – se no fato de que nenhuma empresa existe isoladamente no mercado, podemos entender o conceito de gerenciamento da cadeia de suprimentos como uma complexa e interligada cadeia de fornecedores e clientes, por onde fluem matéria primas, produtos intermediários, produtos acabados, informações edinheiro que é responsável pela viabilidade do abastecimento dos mercados consumidores, ou ainda, podemos definir cadeia de suprimentos ou cadeia de abastecimento como conjunto de ações e processos que possibilitem que o produto chegue ao cliente e que com isto possa agregar valor ao produto, esses processos devem ser integrados com todos os outros, não ficando apenas na movimentação de materiais, taiscomo: localização da organização, distribuição física, administração de estoque, modo de transporte, fluxo de informações, estimativas, relacionamentos, ou seja comprar, produzir e distribuir. A cadeia de suprimentos se define como um sistema de valores (PORTER, 1996;LAMBERT, STOCK, 1999; NOVAES, 2001), formado por um conjunto de empresas interconectadas entre si, desde o ponto de fornecimentoaté o ponto de consumo. E coordenada por uma empresa gestora ou focal com o objetivo de criar valor para seus clientes consumidores em forma de produtos e serviços. É uma rede complexa de instalações e organizações com objetivos distintos e conflitantes (SIMCHI-LEVI et al, 2003), mas com fundamentos que devem harmonizar as relações entre si.

2.1 – Características da Cadeia de Suprimentos...
tracking img