Controle de Roedores

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1156 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 2 de maio de 2015
Ler documento completo
Amostra do texto
14/04/2015

Universidade Federal Rural do Rio de 
Janeiro
Curso de Zootecnia

Introdução
• Existem cerca 2.000 espécies de roedores no mundo (40% das
espécies de mamíferos existentes);

Controle de Roedores

• A fixação do homem à terra tem gerando excedentes
alimentares;
• A partir do surgimento
da agricultura, houve
desenvolvimento dos povoados, cidades foram criadas e
junto com tudo issocondições ideais à relação dos roedores
com o homem (alimento, água e abrigo);

Prof. Tiago Marques dos Santos
tiagorural@gmail.com

Importância Econômica e Sanitária
• Perdas através da ingestão de rações e farelos, bem como
pela quebra parcial de grãos;
• Destruição de sementes recém‐plantadas e de cereais durante
o cultivo e armazenagem;
• Acidentes, em consequência dos danos que causam ásestruturas, maquinários e materiais elétricos;
• São reservatórios e vetores de doenças ao homem e a outros
animais, participando da cadeia epidemiológica de pelo
menos 30 zoonoses;

1

14/04/2015

Principais Doenças transmitidas por roedores
Doença

Modo de transmissão

Tifo murino

Pela picada da pulga‐do‐rato contaminada com a bactéria 
Rickettsia mooseri

SalmoneloseIngestão de alimentos contaminados por fezes de roedores

Tifo Murino

Fezes de pulgas (Xenopsylla cheopis) contaminadas

Febre de 
mordedura 
(Sodoku)

Mordedura

Peste bubônica

Picada de pulgas infectadas: Xenopsylla cheopis, Polygenis
spp, Pulex spp.

Hantavirose

Aerossóis contaminados por fezes, saliva, sangue, urina de
roedores infectados por Hantavirus

Leptospirose

Contato com água, solo ou alimentos contaminados pelaurina de roedores

Aspectos da biologia e comportamento 
dos roedores
• O hábito de roer é necessário para desgastar seus dentes
incisivos (crescimento contínuo);
• São animais de hábito noturno;
• Enxergam mal, mas sua habilidade olfativa é muito
desenvolvida;
• Possuem paladar apurado e excelente memória para gostos
(detectar substâncias tóxicas);
• A audição e o tato são os sentidos maisdesenvolvidos;
• Os roedores vivem em colônias ou agrupamentos.

2

14/04/2015

Classificação dos Roedores
• Roedores sinantrópicos comensais;
• Roedores sinantrópicos
(Silvestres).

não

comensais

Roedores sinantrópicos comensais

Rattus rattus
Rattus norvergicus

Mus musculus

3

14/04/2015

Roedores sinantrópicos não comensais 
(Silvestres)

“Rato do chão”
Reservatório de HantavírusRoedores sinantrópicos não comensais 
(Silvestres)

“Pixuna, calunga, caxexo, 
rato‐de‐capim”
Reservatório de Peste 
Bulbônica e Hantavírus

4

14/04/2015

Roedores sinantrópicos não comensais 
(Silvestres)

Diagnóstico da presença de roedores

“Rato‐de‐fava ou rato‐de‐
cacau”

Reservatório de Hantavírus

Diagnóstico da presença de roedores

Diagnóstico da presença de roedores

5

14/04/2015Diagnóstico da presença de roedores

Esquema de controle de roedores

Conjunto de ações voltadas à praga a
ser combatida , mas também sobre o
meio ambiente que a cerca,
praticadas de forma concomitante,
permitindo a obtenção do efeito de
controle ou até mesmo a erradicação

Inspeção
• Exame da área problema em busca de dados e informações
sobre a situação:

Identificação
 A identificação da espécie (ou espécies)infestante(s);
 Informações sobre sua biologia;

– o tipo de ambiente onde a infestação está ocorrendo;
– o que, naquele ambiente, estaria garantindo ou facilitando
a instalação e livre proliferação dos roedores;
– o tipo de utilização que é dado ao ambiente;
– busca de focos.

 A identificação poderá ser feita, sempre que possível, pelo
exame das características físicas de um espécie recolhido na
área;
 Seum exemplar não estiver disponível, o exame das
numerosas fezes (cíbalas) facilmente encontradas na área
permitirão o diagnóstico, no caso das espécies comensais.

6

14/04/2015

Medidas preventivas e corretivas (antiratização)
• Conjunto de medidas adotadas no meio ambiente que visam
impedir ou dificultar a implantação e expansão de novas colônias
de roedores.

CORRETIVAS...
tracking img