Controle de estoque

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 57 (14032 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 14 de fevereiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
7. O conceito de risco
Frederico Peres, Magda Andreotti, Marco Antonio Carneiro Menezes, Paula de Novaes Sarcinelli, Rita de Cássia Oliveira da Costa e Ubirajara Aluízio de Oliveira Mattos

O risco é a maneira “moderna” por meio da qual o homem lida com os perigos da vida ou, em outras palavras, designa um processo recorrente, com base em longas séries de observação, sobre o qual se tentaintervir, sempre que possível, de forma preventiva. No campo da saúde, por exemplo, tornou-se muito comum empregar a expressão “comportamento de risco” para falar do eventual (des)controle dos indivíduos sobre os perigos a que estão expostos. O controle seria o pré-requisito para a manutenção de sua integridade física e mental; o descontrole seria, por conseguinte, tido como uma “doença”, uma ameaçana qual o indivíduo, por desconhecimento ou pelo seu livre-arbítrio, vai contra a situação tida como segura (PENA-VEGA, 2001). A definição dicionarizada desse conceito estaria próxima da probabilidade de perigo, geralmente com ameaça física para o homem e/ou para o ambiente (HOUAISS, 2001) ou, ainda, a
“consideração de previsibilidade de determinadas situações ou eventos por meio de conhecimento –ou, pelo menos, possibilidade de conhecimento – dos parâmetros de uma distribuição de probabilidades de acontecimentos futuros por meio da computação das experiências matemáticas” (FUNDAÇÃO GETÚLIO VARGAS, 1987).

Podemos, assim, concluir que o risco é, de certa forma, uma antecipação do homem aos perigos da vida.

Histórico do conceito
As civilizações antigas, ao observarem fenômenos oucatástrofes naturais, atribuíam as causas desses eventos a manifestações dos deuses.

S aúde

do

Trabalhador

e

ecologia h umana

Não havia, ainda, a ideia de antecipação aos perigos. O futuro era, para essas civilizações, o espelho do passado ou assunto sob o domínio de oráculos e seus estudiosos. Com o Renascimento, o homem, pela primeira vez, “desafia os deuses”: começa a usar seupotencial racional para antever situações indesejáveis. Vários foram os acontecimentos que possibilitaram o desenvolvimento do conceito de risco ao longo do tempo. Destacaremos aqui um, bastante inusitado. Nesse período (século XVII), era comum entre as sociedades europeias a prática do jogo e das apostas a este relacionadas. Essa atividade se tornou tão importante que os governantes de algumasnações, como a França, resolveram proibir o jogo. Embora proibido, o jogo (cartas, dados etc.) era muito popular na França. Assim, tornaram-se frequentes os episódios em que os jogos eram interrompidos por agentes do governo. Nesses casos, não era possível saber quem havia ganho. Dois matemáticos – Blaise Pascal e Pierre de Fermat – desenvolveram, então, um método matemático para prever quem seria ovencedor de um jogo interrompido, dadas as condições de cada jogador no momento da interrupção. Sem perceber a dimensão que tal advento teria – e ainda tem nos dias de hoje –, esses dois gênios da matemática haviam desenvolvido a Teoria das Probabilidades (1654), base de todo o referencial técnico relacionado ao conceito de risco. O início do século XVIII foi o período marcado pelas grandesnavegações. Acredita-se que a origem da palavra risco vem dessa época. Risco, em espanhol, significa “rochedo pontiagudo” (os espanhóis eram grandes navegadores). Riscare, outra possível acepção, é uma palavra de origem latina cujo significado é “navegar por entre rochedos perigosos”. Soma-se aos riscos da navegação a necessidade de se criarem “seguros” para as grandes embarcações. Estava, aí, conformada agênese das ciências atuariais, base matemática do conceito de risco atual. Daí para frente, toma forma o conceito de risco como hoje entendemos. Alguns marcos históricos no campo da matemática nos ajudam a entender, sumariamente, como isso se deu:
9

1703 – Johann Bernoulli: desenvolve a Lei dos Grandes Números – “a natureza estabeleceu padrões que dão origem ao retorno dos eventos, mas...
tracking img