Controle de estoque

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2055 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 18 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
DISCIPLINA: MIPP PROFESSORA: Martha Almeida
IDENTIFICAÇÃO DO TRABALHO E DA AUTORIA
AUTOR(ES): Anderson Almeida
David Hoffman
Poliane Aparecida
Rogério J. Prates
Warlem A. Figueiredo Silva
PROFESSOR-ORIENTADOR: Martha Cristina Almeida
TÍTULO PROVISÓRIODO TRABALHO: Controle de Estoque

CURSO: Engenharia de Produção TURMA: 03EGP01N1
ÁREA DA PESQUISA: Otimização de Processos de Estoque

DADOS SOBRE A PESQUISA

1 TEMA

Certamente um dos passos mais importantes na condução de uma empresa é o planejamento.
Decisões estratégicas, tais como aquelas que tratam de capacidade, nível de serviço e rede dedistribuição, são complexas e envolvem o comprometimento de recursos ao longo de vários anos.

O planejamento da produção está ligado às políticas de manutenção de estoques. Os motivos pelos quais os estoques estão presentes nos canais de produção são vários, mas o planejamento dos níveis desses estoques está cada vez mais em evidência, pois eles se tornam variável determinante dos resultadosfinanceiros de muitos ramos empresariais.

Lenard e Roy (1995) afirmam que o controle de estoque é estudado desde 1913 com Harris. Pode-se afirmar que o bom funcionamento de tal área é vital para uma organização, uma vez que representa boa parte dos custos logísticos. Assim, é evidente a necessidade de se buscar a otimização do gerenciamento desses serviços. Um bom gerenciamento de estoques equacionaas questões de disponibilidade, nível de serviço e custos de manutenção (KREVER et al., 2003).




Os modelos científicos baseados em pesquisa operacional fornecem fundamentação teórica para a construção de sistemas de suporte à decisão na área de planejamento da produção e gerenciamento de estoques.

1.1 Gestão de estoque

O conceito de estoque possivelmente claro para todos. Desde ocomeço de sua história a humanidade tem usado estoque de diferentes recursos, como alimentos e ferramentas, para apoiar sua sobrevivência e desenvolvimento.

A gestão de estoque é assim um conceito amplamente difundido, estando presente em praticamente todo o tipo de organização, até mesmo no dia a dia das pessoas.

No ambiente empresarial, se por um lado baixos níveis de estoque podem levar aperdas de economias de escalas e altos custos de falta de produtos, por outro lado o excesso de estoque representa custos operacionais e de oportunidade do capital empatado. Encontrar um ponto ótimo nesse comércio de conflitos, não é em geral uma tarefa simples. O aumento da competição global e da diferenciação de produtos, têm feito com que essa tarefa se torne ainda mais árdua.

Apesar de suaimportância, complexidade e extensão, a gestão de estoque é ainda negligenciada em muitas empresas, sendo até classificada como uma questão não estratégica e restringida à tomada de decisões em níveis organizacionais mais baixos. Outras empresas, entretanto já perceberam como a gestão de estoque pode trazer vantagens competitivas e estão inclusive olhando os estoques ao longo de toda a cadeia desuprimentos da qual fazem parte.

O sistema de informação tem a função de diminuir os gastos com estoque e evitar faltas de produtos, o que, dificilmente, será obtido com a gestão manual, não por falta de eficiência dos gestores, mas pela complexidade das atividades. Portanto, atualmente, para alcançar esses objetivos existem diversos sistemas informatizados como, por exemplo, códigos de barras,troca eletrônica de dados e impressão de etiquetas (BERTAGLIA, 2006).




























1.2 Software TOTVS

A TOTVS é uma empresa de software, inovação, relacionamento e suporte à gestão, líder absoluta no Brasil, com 48,6% de participação de mercado, e também na América Latina, com 34,5%. É a maior empresa de softwares aplicativos sediada em países...
tracking img