Controladoria

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1912 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 22 de novembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
[pic]

SISTEMA DE ENSINO PRESENCIAL CONECTADO
CIÊNCIAS CONTÁBEIS

JOÃO JAIME DE SOUZA COELHO

controladoria
ATIVIDADE DE PORTFÓLIO

Araçuai
2010
JOÃO JAIME DE SOUZA COELHO

contROLADORIA
ATIVIDADE DE PORTIFOLIO

Trabalho apresentado ao Curso de Ciências Contábeis da UNOPAR - Universidade Norte do Paraná, para a disciplina Perícia Contábil.Orientador: Prof.

Araçuai
2010

sumário

1.0 INTRODUÇÃO.....................................................................................................03

2.0 DESENVOLVIMENTO.........................................................................................04

3.0CONCLUSÃO......................................................................................................09

4.0 REFERENCIAS...................................................................................................10

1.0 INTRODUÇÃO

O objetivo deste trabalho é ampliar os conhecimentos teóricos sobre Controladoria, uma das áreas da Contabilidade. Será feito um estudo da Contabilidade como ciência e da evolução da contabilidade, da área gerencial para acontroladoria.
Definiremos a controladoria quanto: órgão administrativo, como área do conhecimento humano e também definiremos a controladoria quanto às suas funções e atribuições.

2.0 DESENVOLVIMENTO

2.1 – A contabilidade como ciência

A Contabilidade é erroneamente conhecida como ciências exatas. Agora, sabendo que é uma ciência social, e, fazendo analogia deseu surgimento e desenvolvimento, surge a preocupação em saber onde a sociedade se beneficia diretamente dela, já que a Contabilidade surgiu por necessidade de controlar movimentações que aumentavam ou diminuíam patrimônios. Na atualidade os patrimônios vão sendo formados, porém a ênfase contábil está associada a empresas, mais precisamente aos âmbitos de pessoas jurídicas, e, quanto às pessoasfísicas na maioria dos casos fica restrita ao subconsciente, onde tecnicamente é impossível fazer as mensurações necessárias, prejudicando diretamente a formação ou o aumento de qualquer patrimônio.
Toda a sociedade tem remanescente necessidade de controlar gastos, sendo isso possível somente através da ciência contábil. O foco dos estudos contábeis tem se distanciado do tratamento das decisõeshumanas, para melhorar a qualidade de vida e bem estar social. Enquanto as empresas se utilizam de métodos contábeis rigorosos para nortear suas decisões, seus investimentos, e mensurar seus feitos, o ser individual é induzido pela emoção, necessidade de status e impulsos muitas vezes desconhecidos pelo fator consciente. Felicidade, saúde e tranqüilidade financeira, é uma trilogia que todos buscamos navida. Acredita-se que são os objetivos e sonhos da maioria dos seres humanos. Mas infelizmente, a maioria das pessoas se quer, sabem que podem planejar alguns dias à frente, mesmo não ganhando tanto dinheiro quanto se imagina ter que ganhar para tal. Nesse sentido ganha espaço a inovadora ciência das “finanças comportamentais”, tão bem representada pelos ensinamentos do psicólogo Daniel Kahneman,ganhador do prêmio Nobel de Economia no ano de 2002. Afirma ele que o ser humano nem sempre se comporta racionalmente e por essa razão, decisões financeiras muitas vezes são tomadas, não em relação aos frios números estatísticos que sempre acompanham fatores como risco e remuneração, mas ao contrário, por impulsos inconscientes ou, às vezes até bastante conscientes da maioria das pessoas, e que emnada tem a ver com economia, e muito menos com finanças pessoais.
 Concluindo, o ser humano pelo processo natural da existência atravessa diversas fases, participando efetivamente da construção da sociedade. Sendo a contabilidade uma ciência social, tem responsabilidade intrínseca em orientar a boa saúde financeira das entidades pessoais e familiares, já que a base para a boa formação da...
tracking img