Contador

Páginas: 8 (1867 palavras) Publicado: 19 de março de 2014
INSTITUTO AGRONÔMICO DO PARANÁ
Secretaria de Estado da Agricultura e do Abastecimento

AGRICULTURA
ORGÂNICA

Conheça
os principais
procedimentos
para uma produção
sustentável

A agricultura orgânica pode ser
definida como um sistema de
produção que procura chegar o
mais próximo da natureza. Por
isso, exclui o uso de agrotóxicos,
fertilizantes solúveis, hormônios e
qualquer tipode aditivo químico.
Devem ser sistemas
economicamente produtivos, com
eficiência na utilização de recursos
naturais, respeito ao trabalho, além
do reduzido uso de insumos
externos ao sistema. Os alimentos
produzidos precisam ser livres de
resíduos tóxicos, mesmo após o
processamento. A agricultura
orgânica reúne todos os modelos
não convencionais de agricultura
biodinâmica, natural,biológica,
permacultura ou agroecológica,
para se contrapor ao modelo
convencional.

Procedimentos
recomendados
Referem-se a
práticas e
produtos
plenamente
aceitos em
agricultura
orgânica.

Informações: Dr. Moacir Roberto Darolt
Pesquisador do IAPAR – Pinhais/Curitiba – PR
darolt@iapar.br

Restritos

Proibidos

Práticas e
Práticas e
produtos não
produtos
totalmente
nãocompatíveis com permiidos
os princípios
nos
orgânicos,
programas
devendo ser
de
limitados a usos certificação
específicos,
como no caso do
período de
conversão

Atividades

Procedimentos técnicos para produção vegetal em agricultura orgânica
Recomendados



Cultivo mínimo e plantio direto (sem herbicidas);



Cobertura morta e viva (evitar exposição do solo);

•Adubação orgânica (esterco e compostos) e adubação
verde;



Manejo dos restos culturais e resteva, incorporando ou
deixando a matéria orgânica na superfície;



Utilização de bosques como quebra vento;



Máquinas e implementos agrícolas leves e médios que
evitem compactação do solo; Tração animal;



Diversificação da exploração agrícola, rotação e
consorciação de culturas;•

Reflorestamentos e proteção de mananciais;



Propriedades distantes de fontes poluidoras de água, solo
e ar;



Não há restrição à práticas de irrigação e drenagem, desde
que feitas corretamente e com água de boa qualidade;



Espécies e variedades de plantas adaptadas às condições
ambientais locais;



Espécies rústicas e variedades resistentes à pragas epatógenos, e mais competitivas com as ervas;





Proibidos

Propriedades sem histórico de produtos químicos
persistentes no ambiente;



MANEJO E
CONSERVAÇÃO
DO SOLO E DA
ÀGUA

Uso de implementos que não invertam a camada áravel e
não pulverizem o solo;

Restritos





Uso de implementos que
invertam ou desestruturem o
solo, tais como arados,
grades de disco e enxadasrotativas



Queimadas sistemáticas;



Falta de planejamento (incluindo
sistemas, práticas e técnicas)
para o manejo orgânico do solo;

Coberturas eventuais e
controladas de restos de
culturas, para controle de
pragas, patógenos e ervas
invasoras;



Desmatamento ou destruição da
vegetação natural protetora de
mananciais e beira de rios;



Utilização de materiaisorgânicos com potencial
poluente ou contaminante;



Uso de implementos pesados
que destruam a estrutura do
solo;



Uso de águas contaminadas por
agrotóxicos, fertilizantes
solúveis, esgoto e resíduos
industriais;

Uso de resíduos orgânicos
produzidos fora da
propriedade (desde que
isentos de contaminantes e
poluentes)



Sementes e mudas
provenientes de sistemasconvencionais, quando não
existirem outras fontes
disponíveis;

Sementes e mudas produzidas organicamente;



Tratamento de solo por
processos não químicos
(vapor d`água, etc)

Esterco de animais, produzidos localmente ou de granjas
orgânicas, preferentemente compostados com restos de
vegetais, restos de culturas e restos de alimentos;



Esterco de propriedades não
orgânicas,...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • contador
  • Contador
  • Contador
  • Contador
  • CONTADOR
  • Contador
  • contadores
  • Contador

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!