Contabilidade

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 12 (2923 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 8 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Conceito de Auditoria
“É a técnica contábil que objetiva obter informações e confirmações, relacionados com o controle do patrimônio de uma entidade tem por fim obter elementos de convicção que permitam julgar se os registros contábeis foram efetuados de acordo com princípios fundamentais e normas de Contabilidade e se as demonstrações contábeis deles decorrentes refletem adequadamente asituação econômico-financeira do patrimônio, os resultados do período administrativo examinado e as demais situações nelas demonstradas.” (MARRA; FRANCO, 2002).

Objetivo da Auditoria
 Comprovação, pelo registro, de que são exatos os fatos patrimoniais;
 Demonstração dos erros e fraudes encontradas;
 Demonstração dos erros e fraudes encontradas;
 Sugestão das providências cabíveis, visando àprevenção de erro e fraudes;
 Verificação de que a contabilidade é satisfatória sob o aspecto sistemático e de organização;
 Verificação do funcionamento do controle interno;
 Proposição de medidas de previsão de fatos patrimoniais, com o propósito de manter a empresa dentro dos limites de organização e legalidade
(PEREZ JUNIOR, 2010, p.2)


AUDITORIA DE CAIXA E BANCOS


Esteativo é considerado o item mais problemático, com um alto risco de ser fraudado e de difícil controle, por isso os procedimentos de auditoria são normalmente maiores e mais complexos. A eficiência do controle interno referente à Caixa e Bancos determina a extensão e a profundidade dos procedimentos de auditoria.
Na maioria das vezes, o Caixa e Bancos aparecem no balanço da empresa na formade dois itens, o Encaixe, que são os valores em mãos, e os depósitos em bancos.
Encaixe
O encaixe consiste num fundo fixo de Caixa e de recebimentos de clientes, antes de serem depositados. Os procedimentos mais usados para esses dois tipos de encaixe são:
• Contagem feita pelo auditor.
• Conferência dos totais obtidos na contagem com os registros contábeis.
• Certificaçãode que itens como cheques de clientes e comprovantes de Caixa são corretos.
• Verificação dos depósitos e recebimentos nas contas bancárias.
Na contagem descrita acima, o auditor deve ter em total controle todos os itens desse setor, para evitar assim a substituição. A substituição seria a transferência de valores de caixa, a fim de esconder uma falta de dinheiro ou cheque. Porexemplo, para ocultar uma falta de dinheiro num dos caixas da empresa, o funcionário criminoso leva valores de outro caixa que será contado posteriormente. Deve o auditor então fazer a contagem de todos os caixas juntos, ou ter certeza de que itens não foram contados duas vezes.
É de extrema importância que o auditor nunca se apodere de valores do caixa, ou que possa ser suspeito de tal atocriminoso. Para impedir isso, o auditor deve procurar ter um funcionário da empresa auditada a observá-lo durante a contagem, ou vice-versa, o funcionário realizar a contagem enquanto o auditor observa. Se forem encontrados durante a contagem itens duvidosos, como exemplo temos cheques de funcionários, ou cheques antigos, deve-se anota-los nos papéis de trabalho, para depois ser averiguada esolucionada.
Ao finalizar a contagem, devem ser confrontados os resultados obtidos com os registros do caixa na contabilidade da empresa. O auditor deve também depositar todos os cheques que estavam incluídos nesses numerários em mãos. Ao depositar tais cheques, será possível se certificar de que não havia itens fraudulentos ou sem valor, pois caso contrário o banco os devolveria.
Outroprocedimento importante e utilizado pela auditoria em Caixa e Bancos é o elemento surpresa, que consiste em fazer contagens e verificações sem aviso prévio. Porém muitas vezes o elemento surpresa é inexistente, como nas verificações de encerramento do exercício. Ás vezes o elemento surpresa aparece quando são feitas duas contagens, durante uma única visita ao cliente. Pois o funcionário...
tracking img