Contabilidade internacional

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 11 (2667 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 22 de fevereiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Cultura organizacional
Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
|[pic] |Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua | |
| |credibilidade (desde Dezembro de 2008). | |
| |Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes,| |
| |inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Google| |
| |— notícias, livros, acadêmico — Scirus — Bing. Veja como referenciar e citar as | |
| |fontes. | |


A cultura organizacional é formada por seus valores éticos e morais,princípios, crenças, políticas internas e externas, sistemas, e clima organizacional. São “regras” que todos os membros dessa organização devem seguir e adotar como diretrizes e premissas para guiar seu trabalho.
Cultura pode ser definida como um modelo de suposições básicas que os grupos inventam, descobrem ou desenvolvem com a experiência para enfrentar seus problemas.[1]

|Índice|
|1 Preceitos |
|2 Vantagens e desvantagens |
|3 Cultura familiar |
|4 Cultura empresarial |
|5 Referências |
|6 Bibliografia |


Preceitos

A culturaorganizacional envolve artefatos (padrões de comportamento), valores compartilhados (crenças) e pressupostos (valores, verdades). Também pode conter componentes visíveis, que são sempre orientados pelos aspectos organizacionais, ou componentes ocultos, que são sempre orientados pela emoção e situações afetivas.
• Preceitos (implícitos ou explícitos)
Normas, regulamentos, costumes, tradições,símbolos, estilos de gerência, tipos de liderança, políticas administrativas, estrutura hierárquica, padrões de desempenho.
• Tecnologia (instrumentos e processos utilizados)
Máquinas, equipamentos, layout, distribuição e métodos de trabalhos.
• Caráter (Manifestação dos indivíduos) como que o indivíduo se comporta diante da sociedade.
Participação, criatividade, grupos informais, medotensão, apatia, agressividade, comodismo.
Essa mesma cultura pode aparecer nas organizações de duas formas distintas. Como um subsistema que se liga à estrutura, à estratégia, sistemas políticos e técnicos, ou ainda como uma superestrutura que determina todos os demais componentes. Alguns dos componentes da cultura são de origem histórica, do ambiente e território em que ela se situa, de crenças epressupostos (mitos, ideologias, etc.), de regras, nomes e regulamentos, do processo de comunicação (linguagem), de ritos, rituais e cerimônias, de heróis e tabus, ou ainda de produtos e serviços com que está envolvida.
Existem diversas funções que a cultura pode exercer dentro de uma organização: ela define os limites, a coerência nos atos dos empregados; dá aos funcionários uma sensação deidentidade, de pertencer a algo grande, amplo e sério, trazendo motivação e ainda fazendo-os se comprometer com interesses coletivos; reduz a ambigüidade, determinando exatamente como os trabalhos devem ser executados. Algumas vezes ela funciona até mesmo como um vínculo entre os funcionários e a empresa, ajudando a permanecerem unidos através de normas do que se deve fazer e dizer. Mas sua principalfunção é distinguir uma organização de outra.
A cultura organizacional, assim como a gestão das organizações, modifica-se com o tempo, já que também sofre influência do ambiente externo e de mudanças na sociedade. Entretanto, a cultura de uma instituição também pode influenciar essa mesma sociedade.
Em sua formação existem os princípios básicos da administração, sua filosofia e valores que...
tracking img