Contabilidade internacional

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2293 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 29 de agosto de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
INTRODUÇÃO


O IFRS tem o principal objetivo as demonstrações financeiras, trazendo informações sobre a posição financeira, as mudanças nessa posição e os resultados de determinada entidade, que sejam úteis aos investidores, governos, instituições financeiras no momento da tomada de decisão.

As normas IFRS foram adotadas pelos países da União Européia a partir do final de 2005 com oobjetivo de harmonizar as demonstrações financeiras consolidadas. Como o resultado foi além do esperado, a medida foi aceita pela comunidade financeira. E atualmente, diversos países têm intensificado o trabalho para a convergência das normas contábeis, inclusive no Brasil, que inicia o processo a partir de 2010.






Palavras chave deste artigo: ifrs, International Financial Reporting Standard,pronucniamentos de contabilidade, contabilidade, posição financeira, investidores, governos, instituições financeiras, tomada de decisão



























HISTORIA IFRS

Os IFRSs são emitidos pelo International Accounting Standards Board (“IASB”). As primeiras normas internacionais, então conhecidas como IASs, foram emitidas em 1973, mas a movimentaçãoglobal para a adoção do IFRS iniciou somente depois do escândalo da Enron, em 2002, com a constatação de que uma norma baseada em princípios seria mais fiel à realidade econômica de transações do que normas baseadas em regras rígidas.

O início da adesão ao IFRS ocorreu em 2002, quando a União Europeia determinou que todas as 7.000 companhias abertas europeias deveriam aplicar o IFRS em suasdemonstrações financeiras consolidadas a partir de 2005. Outros países, incluindo Austrália, Hong Kong, África do Sul e alguns do leste europeu, adotaram a adesão no mesmo período. A onda seguinte de adoção incluiu o Brasil, a Coreia do Sul, a Índia e o Canadá. A convergência internacional será atingida somente quando os Estados Unidos permitirem o uso do IFRS, decisão que deverá ser tomada no ano quevem, 2011, para implementação, talvez, a partir de 2015.

As empresas brasileiras serão obrigadas pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM) a publicar suas demonstrações financeiras consolidadas seguindo o padrão internacional, que reforça a busca pela transparência e o melhor entendimento das informações dadas por investidores de todo o mundo. E para isso, as empresas terão que seguir rígidoprocesso de adequação.


As normas de IFRS continuam a evoluir O IASB tem um programa de ação gressivo para atualizar e reformar as normas sobre instrumentos financeiros, reconhecimento de receita, arrendamento mercantil, benefícios a empregados, controlados em conjunto e apresentação de demonstrações financeiras, entre outros, nos próximos dois a três anos. É importante estar consciente daspossíveis alterações e do impacto sobre as decisões tomadas agora. Documentos impactados Não são somente as demonstrações financeiras que serão afetadas pela mudança no padrão contábil aplicado: os press releases, earnings guidance, benchmarking, ITRs, Formulário de Referência (CVM 480) e o Formulário 20-F (se aplicável). Também, outras apresentações baseadas em informações financeiras, incluindocomunicações com analistas, os comentários da administração (MD&A), documentos de roadshows, etc. todos precisarão ser adaptados e reformulados de acordo com a nova linguagem contábil Resumo Executivo Os International Financial Reporting Standards (IFRS) e as novas normas contábeis brasileiras, os CPCs (emitidos pelo Comitê de Pronunciamentos Contábeis), são o padrão contábil aplicável para asdemonstrações financeiras de companhias de capital aberto, instituições financeiras que possuam Comitê de Auditoria e companhias de grande porte brasileiras em 31 de dezembro de 2010.

Os períodos comparativos de 2009 (inclusive nos ITRs de 2010) têm de ser reapresentados para o mercado com base nos novos padrões contábeis. A fim de evitar incertezas, é fundamental comunicar de forma estruturada e...
tracking img