Contabilidade geral 2

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1007 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 3 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
1º TRABALHO DE CONTABILIDADE GERAL II

CONTAS DO PATRIMÔNIO LÍQUIDO

Aluno: Giovanni Ribeiro Jaculi
Data: 30/07/2012

Brasília
2012
PATRIMÔNIO LÍQUIDO
O Patrimônio Líquido está subdividido em:
- Capital Social;
- Reservas de Capital;
- Reservas de Reavaliação;
- Reservas de Lucros;
- Ações em Tesouraria;
- Lucros ou Prejuízos Acumulados;

CAPITAL SOCIAL
A conta de CapitalSocial representa o investimento efetuada na empresa pelos seus proprietários. Este investimento pode assumir a forma de ações (se for sociedade anônima) ou quotas (se for uma limitada).
Para atender ao disposto na Lei 6404\76, deverão estar discriminados da conta de Capital Social o montante subscrito pelos sócios ou acionistas e, por dedução, a parcela ainda não realizada.
Representaçãono Balanço
Patrimônio Líquido (PL)
Capital Social R$
Subscrito 250.000
(-) a Realizar (a Integralizar) ( 50.000)
(=)Realizado (Integralizado) 200.000
Definições:
Capital Subscrito: compromisso assumido pelos sócios ou acionistas de contribuir com certa quantia para a empresa.
Capital Social a Realizar: parcela do capital subscrito ainda não transformado emdinheiro ou valor monetário pelos sócios ou acionistas.
Capital Social Realizado: parcela do capital subscrito efetivamente transformado em dinheiro ou valor monetário pelos sócios ou acionistas.
Contabilização:
a) pela subscrição:
Capital Social a Realizar
.a Capital Social Subscrito...............................R$ 250.000,00
b) pela integralização:
Caixa ou Bancos
a CapitalSocial a Realizar......................... ..R$ 200.000,00
Se o Capital for integralizado em bens, estes deverão ser avaliados e incorporados ao patrimônio da empresa pelo preço de mercado, através de laudo que deverá ser aprovado pela Assembleia Geral;
Se o Capital for integralizado em crédito (valores a receber) o subscritor responderá perante a sociedade, pela solvência do devedor;Se o Capital autorizado, quando o estatuto da empresa confere ao Conselho de Administração autorização para aumentar o Capital Social, independentemente de alteração estatutária, bastando a reunião do órgão e o registro da ata respectiva na Junta Comercial.
RESERVAS DE CAPITAL
São contribuições recebidas dos proprietários e de terceiros que não representam receitas ou ganhos e que,portanto, não devem transitar por conta de resultado.
Correção Monetária do Capital Realizado: Todas as contas do Patrimônio Líquido são
corrigidas monetariamente, e essa correção é acrescida aos saldos das próprias contas, com exceção da Correção Monetária do Capital Realizado . O Capital Social somente pode ser aumentado em Assembléia Geral, motivo pela qual a Lei estabelece que o produtoda Correção do Capital deve figurar transitoriamente nessa conta de Reserva de Capital.
Patrimônio Líquido
Capital Social
subscrito......................R$ 300.000,
(-) a Realizar................R$ 200.000,
(=) Realizado...............R$ 100.000,
Índice de Correção Monetária = 25%
Contabilização:
Resultado da Correção Monetária
a Reserva de C M do Capital Realizado R$25.000,
Ágio na emissão de ações: Na conta Capital Social, as ações devem figurar somente pelo seu valor nominal. O excedente, ou seja a diferença entre o preço que os acionistas pagam pelas ações à companhia e i seu valor nominal deve ser registrada em conta de Reserva de Capital.
Valor da Realização (pagamento)..... R$ 30,
(-) Valor da Ação............................(R$.......20,)(=) Ágio da Emissão...................... . R$ 10,
Contabilização:
Caixa ou Bancos...............................30,
a Diversos
......a Capital Social 20,
......a Reserva de Ágio na emissão de Ações..... ..10,
Doações :O valor das doações recebidas pela companhia constituirá Reserva de Capital. Essas doações poderão ser em...
tracking img