Contabilidade comercial

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1855 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 22 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
O PRINCÍPIO DA ENTIDADE
O Princípio da ENTIDADE reconhece o Patrimônio como objeto da Contabilidade e afirma a autonomia patrimonial, a necessidade da diferenciação de um Patrimônio particular no universo dos patrimônios existentes, independentemente de pertencer a uma pessoa, um conjunto de pessoas, uma sociedade ou instituição de qualquer natureza ou finalidade, com ou sem finslucrativos.
Por conseqüência, nesta acepção, o Patrimônio não se confunde com aqueles dos seus sócios ou proprietários, no caso de sociedade ou instituição.
O PRINCÍPIO DA CONTINUIDADE
O Princípio da Continuidade pressupõe que a Entidade continuará em operação no futuro e, portanto, a mensuração e a apresentação dos componentes do patrimônio levam em conta esta circunstância.
O PRINCÍPIODA COMPETÊNCIA
O Princípio da Competência determina que os efeitos das transações e outros eventos sejam reconhecidos nos períodos a que se referem, independentemente do recebimento ou pagamento. Parágrafo único. O Princípio da Competência pressupõe a simultaneidade da confrontação de receitas e de despesas correlatas
|Regime de Caixa e Regime de Competência|
|  |
|Para se conhecer o resultado de um exercício é preciso confrontar o total das despesas com o total das receitas correspondentes |
|ao respectivo exercício. É o regime contábil a ser adotadoque definirá que despesas e receitas deverão ser consideradas na |
|apuração do resultado do respectivo exercício. |
|Assim, são dois os regimes contábeis conhecidos que disciplinam a apuração do Resultado do Exercício: Regime de Caixa e Regime |
|de Competência.|
|Regime de Caixa |
|Na apuração do resultado do Exercício devem ser consideradas todas as despesas pagas e todas as receitas recebidas no espectivo |
|exercício, independentemente da data daocorrência de seus fatos geradores. |
|Em outras palavras, por esse regime somente entrarão na apuração do resultado as despesas e as receitas que passaram pelo Caixa.|
|O Regime de Caixa somente é admissível em entidades sem fins lucrativos, em que os conceitos de receita de despesa se |
|identificam, algumas vezes, com os derecebimento e pagamento. |
| Regime de Competência |
|Desse regime decorre o Principio da Competência de Exercícios, e por ele serão consideradas, na apuração do /resultado do |
|Exercício, as despesas incorridas e asreceitas realizadas no respectivo exercício, tenham ou não sido pagas ou recebidas. |
|De acordo com esse regime, não importa se as despesas ou receitas passaram pelo Caixa (pagas ou recebidas); o que vale é a data |
|da ocorrência dos respectivos fatos geradores. |
|Nas entidades com finslucrativos – empresas -, são fundamentais os conceitos de custo e de receita, que envolvem o regime de |
|competência, pois a elas não importa o que foi pago ou recebido, mas o que foi consumido e recuperado, para apuração do |
|resultado do exercício. |
|Regime de Caixa...
tracking img