Consumidores classe c: o perfil da ascensão

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1046 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 19 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
INTRODUÇÃO

Em tempos de globalização, competitividade de mercado marcada pela rapidez tecnológica e crises financeiras que abalam os mercados, os empresários não podem ficar no desconhecimento de quem são seus clientes, seus consumidores. A variedade e grande oferta de produtos, a concorrência interna (nacional) e externa (internacional), e a crescente exigência dos consumidores, levam oempresário a ter que conhecer o que querem seus clientes e como eles tomam suas decisões sobre a compra e a utilização de produtos, o que é fundamental para que as organizações tenham êxito em seu mercado. É preciso monitorar permanentemente o comportamento de compra do consumidor.























Desenvolvimento.


Os Consumidores da Classe C, nas últimas décadas,deixou de ser visto como um mero coadjuvante e tem ocupado um papel cada vez maior na economia do país. Diferente de há vinte anos, quando havia bem menos produtos e tudo era menos acessível, hoje existe uma grande concorrência, o que gera uma guerra de preços e economia mais equilibrada.
Num novo cenário econômico brasileiro, a classe C consome mais e com qualidade e o abismo social tem ficadomenor. A visão de “rico cada vez mais rico e pobre cada vez mais pobre” não é mais inquestionável e pela primeira vez na história a renda da classe C aumenta mais que das classes A e B. Graças ao crédito, o consumidor das classes “menos favorecidas” mostra que tem grande potencial. O Brasil não deixou de ser um dos piores países em distribuição de renda, mas depois de quase uma década e meia deaumento do abismo social, uma transformação sutil, porém importante vem ocorrendo, no sentido oposto. Pode-se dizer que classe C tem mudado drasticamente seus hábitos de consumo e está no topo das estratégias de grandes empresas. Com o aumento da renda e do emprego, crédito em ascensão (com prazos longos e juros menores) e programas sociais. Ou seja, 20 milhões de brasileiros saíram da pobreza passarama integrar a classe que hoje consome mais.
Neste cenário, as marcas devem entender a sua importância para as escolhas destes consumidores que, agora, buscam primeiro a qualidade dos produtos. “A marca é fundamental porque o consumidor acredita que está levando todo o pacote de qualidade e confiança. Muitas empresas que antes apostavam seus esforços e produtos nas classes A e B, hoje já produzemespecialmente para essa classe consumista emergente. Quanto mais miram na classe C, mais as empresas sentem a necessidade de conhecer a fundo esses consumidores.




O fato de que existem estudos sobre as classes mais populares, as empresas estão fazendo até uma parceria com a MCF (consultoria especializada no mercado de luxo), para atender marcas que precisam falar com diversos públicos. Oalvo da parceria é a prestação de serviços a bancos, companhias áreas, agências de turismo e outras grandes empresas que vendem tanto aos endinheirados quanto aos que ainda precisam economizar. Afinal, em números, o poder de compra da nova classe média é treze vezes maior que o da elite. Isto mostra o grande investimento que estão sendo feito pelas empresas em marketing, estão investindo em muitapropaganda para a divulgação dos seus produtos, promoções de vendas, vendas pessoal, relações publicas tudo isto para atrair e conquistar os novos consumidores. As empresas estão mudando suas posturas organizacionais, em busca de melhores resultados, melhor custo beneficio adequação e agilidade dos processos.
Um dos perfis que o estudo identificou é o consumista. Como o próprio nome sugere, elecompra muito e por impulso, freqüentemente mais do que a renda permite. É aventureiro, extrovertido, um tanto quanto vaidoso e sonhador. Acostumou-se a viver com dívidas e não se preocupa muito com isso.
O segundo perfil identificado pela pesquisa é o planejador: O extremo oposto do consumista. Trata-se de um consumidor mais cauteloso, que gasta seus rendimentos com parcimônia e se mostra cético...
tracking img