Construção das políticas sociais no brasil

INTRODUÇÃO
Este trabalho aponta como ocorreu o processo de construção das políticas sociais no Brasil. A relação do Estado e a mobilização da sociedade diante do crescimento constante das expressõesda questão social nas suas mais variadas faces: miséria, desemprego, a fome, violência etc. Irá relatar também o surgimento do Serviço Social e sua atuação neste contexto histórico.DESENVOLVIMENTO

Na década de 30 do século passado, ocorreu uma intensificação do processo de industrialização e um grande desenvolvimento do capitalismo, fazendo com que as expressões da questão social ficassemmais aparentes.
Nesta época, começaram a aparecer sinais evidentes de descontentamento e frustação da classe média e dos grupos de intelectuais. Ocorrem vários movimentos políticos contra aadministração pública, considerada por muitos como ineficiente e inábil. Protestava-se também contra a falta de soluções para as crises sociais, econômicas e políticas.
Vargas, que estava no poder nestaépoca, diante desta situação se viu obrigado a estabelecer uma série de medidas de politicas sociais de caráter preventivo, para tentar amenizar a insatisfação da classe trabalhadora e manter a ordem dosistema capitalista.
Essas políticas sociais, em sua grande maioria, também beneficiava a classe média e burguesa, dando condição para o aumento da produção, gerando com isso uma expansão aindamaior do capitalismo no Brasil. Criou o Ministério do Trabalho, Indústria e Comércio, em novembro de 1930, e promulgou uma legislação trabalhista que respondia, de certa forma, as necessidades dotrabalhador e aos interesses da indústria cada vez mais emergente.

As políticas sociais da época consistiam na intervenção do Estado por meio da implantação de assistência social e de prestações deserviços sociais como assistência médica e psicológica, adoção, medidas jurídicas proteção do consumidor, e reinserção social.
O Serviço Social surgiu no bojo deste cenário, tendo como grande desafio...
tracking img