Conselho de jetro

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 14 (3413 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 25 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
---------------------------------- AMBIENTE VIRTUAL | |
TEORIAS ADMINISTRATIVAS CONTEMPORÂNEAS | MODULO IV |
PROFa VERA LÚCIA | DATA: 24/09/12 |
----------------------------------
----------------------------------
----------------------------------

MODULO 4 – ABORDAGEM NEOCLÁSSICA, ESTRUTURALISTA E COMPORTAMENTAL
ABORDAGEM NEOCLÁSSICA
A abordagemneoclássica nada mais é do que a redenção da abordagem clássica devidamente atualizada e redimensionada aos problemas administrativos atuais e ao tamanho das organizações de hoje. Em outros termos, a Teoria Neoclássica representa a Teoria Clássica colocada em um novo figurino e dentro de um ecletismo que aproveita a contribuição de todas as demais teorias administrativas.
A abordagem neoclássica baseia-senos seguintes fundamentos:
1 – A administração é um processo operacional composto de funções, como: planejamento, organização, direção e controle.
2 – A administração envolve uma variedade de situações organizacionais e precisa fundamentar-se em princípios básicos que tenham valor preditivo. Ela é uma arte que, como a Medicina ou a Engenharia, deve se apoiar em princípios universais.
3 – Osprincípios de administração, a exemplo dos princípios das ciências lógicas e físicas, são verdadeiros.
4 – A cultura e o universo físico afetam o meio ambiente do administrador. Como ciência ou de arte, a teoria da Administração não precisa abarcar todo o conhecimento para poder servir de fundamentação científica dos princípios de Administração.
Características da Teoria Neoclássica
As principaiscaracterísticas da Teoria Neoclássica são as seguintes:
Pragmatismo: ênfase na prática da administração;
Reafirmação dos postulados clássicos;
Ênfase nos princípios gerais de administração;
Ênfase nos objetivos e nos resultados;
Ecletismo

Princípios Básicos da Organização
Divisão do Trabalho.
Especialização.
Hierarquia
AutoridadeResponsabilidade
Delegação
Amplitude Administrativa

Apreciação Crítica da Teoria Neoclássica
A velha concepção de Fayol: Administrar é prever, organizar, comandar, coordenar e controlar continua firme.
Mas hoje se fala em processo administrativo: planejar, organizar, dirigir e controlar.
As funções administrativas continuam aceitas:
Planejamento
OrganizaçãoDireção
Controle
Contudo, administrar é mais do que gerenciar pessoas, recursos e atividades. Em épocas de mudança, o papel do administrador se centra mais na inovação do que na manutenção do status quo.

ADMINISTRAÇÃO POR OBJETIVOS - APO

Também conhecida como Administração por Resultados, é um modelo administrativo bastante difundido, criado por Peter Druker na década de 50. “Umaabordagem alternativa para formulação de objetivos, é aquela que dá ênfase à iniciativa do subordinado na formulação dos objetivos, dentro de um contexto fornecido pelo superior.”

A APO baseia-se em duas hipóteses:
Se uma pessoa está fortemente ligada a um objetivo, ela se acha disposta a despender mais esforços para alcançá-lo do que se não estivesse.
“O princípio da ProfeciaAutocumprida”: todas as vezes que prevemos que alguma coisa acontecerá, faremos todo o possível para que aconteça.
Portanto é um processo pelo qual o gerente, e o subordinado, identificam objetivos comuns, definem as áreas de responsabilidade de cada um em termos de resultados esperados e usam esses objetivos como guias para a operação dos negócios.
Etapas da APO:
1) O superior dá o contexto;
2)O subordinado propõe as metas;
3) O superior e o subordinado chegam a um acordo sobre às metas;
4) O subordinado revisa seu progresso com o superior;
5) Reinicia-se a seqüência.

CARACTERÍSTICAS DA APO
Estabelecimento conjunto de objetivos entre gerente e subordinado.
Estabelecimento de objetivos para cada departamento ou posição.
Interligação entre os vários objetivos...
tracking img