Conflitos sociais na amazonia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1941 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 17 de abril de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Introdução



Soberania nacional, meio-ambiente, direitos indígenas e outras questões criaram um palco de discussões polêmicas que não têm previsão de serem resolvidas de imediato ou tão facilmente. As condições favoráveis da região, enquanto área estratégica para controle geopolítico e depositária de uma biodiversidade e sociodiversidade inestimáveis, provocaram, ou pelo menos contribuíramsignificativamente, para o deslocamento de capitais para a região. Os modelos de desenvolvimento adotados na região, embora tenham variado desde o processo de colonização, geraram impactos danosos às populações tradicionais da Amazônia, criando sérias dificuldades para a continuidade de seus modelos históricos de adaptação ao ambiente ecológico, priorizaram a ocupação da região, via programasdesenvolvimentistas (Grandes Projetos), cujos interesses voltavam-se principalmente para o controle geopolítico. Esses processos de ocupação e de desenvolvimento impostos, via ação política dentre outros, deixaram marcas deletérias sobre o espaço e os povos amazônicos, cujos impactos puderam ser notados nos ecossistemas regionais, nas formas de ocupação da região e na organização sociocultural daspopulações amazônicas.


Mobilidade social

Embora evidente, mas não tão comentada, a questão da mobilidade social e a ocupação de espaço nesta vasta região têm tido prioridade. Não se pode ignorar os vários estudos que já abordaram esta problemática, porém, é interessante frisar que as questões sociais na região conquistaram um maior enfoque, espaço esse normalmente reservado às temáticas debiodiversidade e meio ambiente.

A migração na Amazônia brasileira tem gerado ao longo do últimos anos forte tensão e também geraram um grande interesse da sociedade civil e do governo federal, sem mencionar os vários atores internacionais que debatem seu destino.Sabe-se que a migração na Amazônia, em si, não se refere a um fenômeno social recente. A presença de populações humanas na região, emtempos pré-históricos, é mais antiga do que se especulava. Os estudos de Anna Roosevelt no sítio arqueológico de Monte Alegre (PA) revelam que o homem habita a região Amazônica a pelos menos 11.500 anos. Os planos desenvolvimentistas, que preconizavam a integração da região aos marcos do capital, trouxeram consigo levas de migrantes, vítimas da expropriação no Nordeste, em busca de terra paragarantir a sobrevivência como pequeno produtor. Este processo de ocupação culminou em conflitos e tensões principalmente em função da disputa pela posse da terra e do acesso a outros
recursos naturais.





Conflitos socioambientais

De acordo com um estudo da ONG Fase, a Amazônia concentra os principais problemas sócio-ambientais no país, com pelo menos 675 conflitos em curso na região.Detodos os conflitos identificados na região amazônica, 272 (40%) estão no Pará. Intensificaram-se, contudo, no século XX, os conflitos em torno da ocupação espaço-territorial na Amazônia. Os indígenas, camponeses e extrativistas viram-se ameaçados ou expulsos por conta da construção das novas estradas e rodovias e da implantação dos grandes projetos agro-econômicos-industriais nacionais einternacionais. Muitas famílias se viram expulsas das áreas em que se haviam estabelecido e de cujo cultivo se ocupavam por muitos anos. Os povos indígenas ali se encontravam por milhares de anos! Colonos e migrantes provenientes do Sul do país incrementaram ainda mais a tensão social em torno da ocupação do solo. O desamatamento cresceu assustadoramente na últimas décadas do século XX e início do século XXI,passando de um ritmo de 13.300 Km² por ano na década de 1980 para 27.200Km² em 2004, alavancado sobretudo pela cultura do algodão e da soja. O crescimento populacional pulou, de 1950 para 2005, 518%. Acrescente-se ao lado deste fatores, alguns outros de ordem político-econômica a complicar o frágil estado geo-socioambiental amazônico, além do agronegócio: a industria madeireira, com a...
tracking img