Conflitos religiosos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1744 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 25 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Soluções

Soluções são misturas homogêneas de dois ou mais componentes e podem ser sólidas, líquidas ou gasosas.
A sustância em maior quantidade na solução recebe o nome de solvente e aquelas em menor quantidade são chamadas de solutos.
As substancias mais importantes para os seres vivos são aquelas em que o solvente é a água, ditas aquosas. As plantas retiram seu alimento do solo através desoluções aquosa (por esse motivo, os fertilizantes possuem, na sua composição, minerais solúveis a água). A digestão transforma alimentos em substancias solúveis em água, que, dessa forma, são mais facilmente absorvidas pelo organismo.

Imagine que você está preparando uma limonada para o lanche com seus amigos e acabou exagerando no limão. E agora? O que fazer?
Fácil, você responde, é sóadicional mais água.

Pois saiba que você acabou de executar um procedimento muito usado em laboratório de química que é a diluição de soluções.
Esse tipo de procedimento – diluir ou concentrar soluções – é muito comum em nosso dia a dia. Deixamos a panela de feijão no fogo para concentrar ou “engrossar o caldo”, colocamos mais água no feijão para diluir o caldo.
No dia a dia de um químico tambémé bastante comum tanto o preparo de soluções como a manipulação de soluções já preparadas no sentido de aumentar ou diminuir a quantidade de solvente (para obter uma concentração específica de solução). Também é usual misturar soluções de concentrações diferentes de mesmo soluto para se chegar a uma solução final de concentração desejada.

Diluição e concentração

De modo geral podemos dizerque:
* Diluir uma solução significa acrescentar solvente a essa solução de modo a diminuir sua concentração. A quantidade de soluto permanece inalterada.
* Concentrar uma solução significa diminuir a quantidade de solvente da solução de modo a aumentar sua concentração. Isso pode ser feito por aquecimento, provocando-se a evaporação do solvente, desde que o solvente não seja inflamável e que osoluto não seja volátil.

Concentração de massa

Em ambos os casos – diluição e concentração da solução – a massa do soluto permanece constante. O que varia é o volume do solvente e, portanto, a concentração em massa da solução.

E como podemos trabalhar com operações de diluição e concentração relacionadas à concentração de massa (g/L).

Exemplo:

* Calcule o volume de solução aquosade sulfato de sódio, Na2SO4, a 60g/L que deve ser diluída por adição de água para se obter um volume de 750 mL de solução a 40g/L

Então:

Como a massa do soluto permanece constante nas duas soluções (inicial e final), precisamos encontrar qual a massa de soluto presente na solução final, que pretendemos obter, e depois, verificar qual o volume da solução inicial que apresenta essa mesma massade soluto.

Observe:

Calculo da massa de soluto que queremos na solução final.

40 g de soluto Na2SO4 __________ 1 L de solução
X ________________________ 0,750L

X= 0,750_L_._40g
1 L

X= 30g de Na2SO4

Cálculo do volume de solução inicial que possui 30g de Na2SO4.

60g de soluto (Na2SO4) ___________ 1L de solução
30g de soluto (Na2SO4) ___________ yy= 30_g ._1L
60 g

y= 0,5L de solução

Assim, para obter a solução desejada na concentração de 40g/L de Na2SO4, é necessário pegar um volume igual a 0,5L ou 500mL de água de modo que o volume da solução final (diluída) seja igual a 750mL.

Concentração em quantidade de matéria

Em ambos os casos – diluição ou concentração da solução – a quantidade de matéria do soluto permanececonstante. O que varia é o volume do solvente e a concentração em quantidade de matéria da solução.

E como podemos trabalhar com operações de diluição e concentração relacionadas à concentração de massa (mol/L).

Exemplo:

Calcule a concentração em quantidade de matéria de uma solução aquosa de ácido sulfúrico, H2SO4, sabendo-se que inicialmente foram gastos 19,6 gramas do ácido para...
tracking img