Conexionismo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 18 (4413 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 25 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Modelo Conexionista1
Getting to know a language is an act of cognition par excellence.
Nick Ellis
conexionismo se insere no grupo das abordagens que procuram
explicar a ASL pelo viés da cognição, ou seja, “em termos de
representações mentais e processamento de informação” e que
rejeitam a modularidade da linguagem e o inatismo (Ellis, 1999). Essas teorias têm
como suporte a lingüísticacognitiva que vê a língua como fruto da experiência humana
(a língua se constrói pelo uso e não por princípios inatos) e não separa a linguagem dos
outros tipos de cognição, como o que envolve a visão, por exemplo.
1. O conexionismo
O conexionismo estuda a mente por uma perspectiva computacional, isto é, tenta
descrever o processamento cognitivo à semelhança de um computador – os dados quealimentam a mente (input ou dados de entrada), seu processamento (dados ocultos) e o
produto ou output (dados de saída). Mellon (2004) explica que o conexionismo assume
que a aprendizagem é uma conseqüência de conexões repetidas da rede neural e se
caracterizaria por mudanças de padrões dessas conexões. Segundo Gasser (1990, p.179),
“nos modelos conexionistas, todo conhecimento é incorporado a umarede de unidades
de processamento simples através de conexões que são fortalecidas ou enfraquecidas em
resposta às regularidades de padrões de input”.
Ferreira Júnior (2005, p.238) descreve uma rede conexionista da seguinte forma:
Uma rede conexionista é formada, basicamente, por unidades
(numa analogia com nossos neurônios) interligadas umas às
outras através de conexões (analogia comsinapses), um enfoque,
portanto, fortemente apoiado na neurofisiologia humana. O
processamento dessa rede é totalmente distribuído e em paralelo
(daí o termo sinônimo de rede PDP, ou seja, processamento
distribuído em paralelo). Modelos conexionistas, com uma
arquitetura interna como a descrita acima, são construídos na
1 A elaboração desse capítulo contou com sugestões bibliográficas preciosasde meu colega Fábio Alves,
estudioso do conexionismo na UFMG.
O
forma de programas de computador. Uma vez em funcionamento,
o sistema estabelece processos de regulação entre as unidades que
compõem a rede (na forma de ajuste das forças/pesos de
conexão), provocando, assim, a estruturação do sistema. O
‘conhecimento’ da rede está justamente nas forças/pesos definidos
localmente entre asunidades (i.e., através da constante ativação
ou inibição destas). Assim, surge um desempenho baseado em
padrões de ativação entre unidades da rede, padrões estes que
estabelecem configurações específicas a cada ativação.
Para esse mesmo autor (FERREIRA, 2007), há fortes semelhanças entre a
explicação conexionista da ASL e a teoria da interlíngua, proposta por Selinker (1996).
Diz ele:
Asredes são mais sensíveis a erros no início da aprendizagem. À
medida que o treinamento avança, as ativações das unidades são
alargadas (em termos de variação e tolerância). Ou seja, vão do
centro para os extremos (em escala). Isso diminui a velocidade da
aprendizagem e, em última instância, gera o que chamamos em
ASL de “fossilização” (ou seja, exemplos positivos não mais
afetam a interlíngua ouo sistema). (FERREIRA, p. 229)
O conexionismo rejeita a hipótese da linguagem como uma faculdade inata e,
assim como o behaviorismo, defende o associacionismo que postula que a
aprendizagem é fruto de associações entre informações. Segundo Ellis (1999, p. 29),
“parece mais provável que as regularidades emerjam como abstrações das regularidades
nos exemplares do input (tanto lingüístico comoperceptual)”. Ele afirma, ainda, que
aprendemos a língua através de seu uso e que “tanto na aprendizagem como na análise
teórica a língua não pode ser separada de sua função” (p.30), pois necessitamos de
“situações comunicativas, naturalísticas e funcionais para a aprendizagem”.
A respeito do inatismo, Elman et al (1996) consideram que existem
comportamentos universais, mas isso não...
tracking img