Conceitos do edi

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1412 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 31 de maio de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
FACULDADES PADRE JOÃO BAGOZZI
EDI (Electronic Data Interchange)
CURITIBA – 2011

FACULDADES PADRE JOÃO BAGOZZI
DAYANE FERREIRA
MARCOS MONCZAK
NIKOLAS AMORIM

EDI (Electronic Data Interchange)
CURITIBA – 2011
1 Introdução
Um sistema criado para otimizar o processo comercial, antes lento e burocrático por papeis que hoje através de via eletrônica se torna muito rápido e integrado, alemde que tem aplicação entre vários departamentos internos e também por clientes e fornecedores externos que utilizam o mesmo sistema, e necessitam de respostas rápidas que são por meio eletrônico podem passados em tempo real, tanto para pedidos como solicitações e tantos outros atributos que possam ser agregados, para dados fornecidos e recebidos eletretronicamente entre empresa, fornecedores,órgão fiscal, instituição financeira e cliente onde todos podem se interagir.

2 Conceito
O EDI (Electronic Data Interchange, ou Intercâmbio Eletrônico de Dados) é uma ferramenta que viabiliza a troca de documentos comerciais eletronicamente e com isso possibilita minimizar a quantidade de erros gerados pela redigitação e o volume de papel ao mesmo tempo aumenta a eficiência e a eficaz nacomunicação entre os parceiros comerciais. Única ferramenta de e-commerce (comércio eletrônico) que está adequada a um contexto automatizado e globalizado, que compõe mensagens padronizadas e utiliza os serviços de VAN.
Comparação entre o fluxo tradicional e o EDI

Entrada de Dados
Geração de Documentos
Enviar de Documentos
Correio, FAX, e-mail etc.)
Enviar de Documentos
(Eletronicamente)
Receber osDocumentos
Digitação dos Dados
Ação

Muitas empresas utilizam computadores para organizar os processos comerciais e administrativos ou ainda para editar textos e documentos. A maioria das informações é inserida no computador manualmente. Assim, quando a empresa se comunica, esses dados são transmitidos diretamente dos seus computadores para seus parceiros comerciais. O modo mais prático étransferir os dados através das linhas telefônicas comuns, desde que ambos os parceiros tenham modems, um software de comunicação compatível e computadores disponíveis para fazer a conexão ao mesmo tempo.
Aplicação do Sistema
Na pratica, a maioria das empresas tem mais de um parceiro comercial, e estabelecer ligações ponto a ponto com cada um torna difícil o gerenciamento, sendo interessanteterceirizar o processo, onde se utiliza os serviços de uma VAM, o qual pode ser aplicado em qualquer área de negocio, porque não está limitado a padrões e modelos de documentos determinados. Sendo assim, é possível criar um padrão proprietário e aplicá-lo em especifico entres parceiros de negócios ou departamentos dentro de uma mesma organização. As relações mais evidenciais do uso do EDI está entreinstituições privadas e publicas, onde podemos determinar o relacionamento cliente – fornecedor, organização – instituição financeira e contribuinte – órgão fiscalizador. Abaixo segue exemplos de relações e modelos de documentos:
Cliente – Fornecedor
* Planejamento mensal e semanal de compras
* Aviso de embarque
Organização – Instituição financeira
* Cobrança escriturialContribuinte – Órgão Fiscal (Secretaria da Fazenda, Receita Federal)
* Arquivos magnéticos tais como Sintegra
* Nota Fiscal eletrônica
Departamental
* Interface entre sistemas
Pode-se também seguir definições nacionais, internacionais e proprietárias para comunicação entre parceiros de negócios. O EDI mudou o panorama comercial de muitos setores e grandescorporações. É usada extensivamente pelas grandes organizações, algumas vezes em rede global, como a operada pela General Electric Information System (possuem mais de 100.000 usuários corporativos).
O EDI, quando utilizado de forma adequada, pode proporcionar vários benefícios na realização das operações logísticas. Dentre as áreas da logística nas quais são observados maiores benefícios,...
tracking img