Conatbilidade no ramo de seguros

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 77 (19124 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 15 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
CONCEITOS BÁSICOS
DE SEGUROS

7a edição

Rio de Janeiro
2011

É proibida a duplicação ou reprodução deste volume, ou de partes dele,
sob quaisquer formas ou meios, sem permissão expressa da Escola.

Ficha catalográfica elaborada pela Biblioteca da FUNENSEG
E73c

Escola Nacional de Seguros. Diretoria de Ensino Técnico.
Conceitos básicos de seguros/Supervisão e coordenaçãometodológica da Diretoria de
Ensino Técnico. Assessoria técnica de José Antonio Menezes Varanda. – 7. ed. – Rio de Janeiro:
Funenseg, 2011.
72 p.; 28 cm
1. Seguro – Teoria. I. Varanda, José Antonio Menezes. II. Título.

0011-1005

CDU 368.01(072)

REALIZAÇÃO

Escola Nacional de Seguros – FUNENSEG
SUPERVISÃO E COORDENAÇÃO METODOLÓGICA

Diretoria de Ensino Técnico
ASSESSORIA TÉCNICA

JoséAntonio Menezes Varanda – 2011/2010
CAPA

Coordenadoria de Comunicação Social
DIAGRAMAÇÃO

Info Action Editoração Eletrônica

B

aseada nos princípios que a regem desde sua criação, em 1971, a Escola Nacional de
Seguros promove diversas iniciativas no âmbito educacional, que contribuem para um mercado
de seguros, previdência complementar, capitalização e resseguro cada vez maisqualificado.

Essa é a filosofia presente em nossas ações, que compreendem a elaboração de cursos, exames,
pesquisas, publicações e eventos, e que confirmam nossa condição de principal provedora de
serviços voltados à educação continuada dos profissionais dessa indústria.
Em um mercado globalizado, mudanças de paradigmas são constantes e, para seguir esse movimento,
o investimento em treinamento eatualização é apontado por especialistas como essencial.
A Escola Nacional de Seguros, que nasceu de uma proposta do próprio mercado, está à sua
disposição para compartilhar todo nosso conhecimento e experiência, bens intangíveis e
inestimáveis, que o acompanharão em sua jornada.
Todo o acervo de conhecimentos e maturidade na formação de profissionais e gestores de alto
nível se reflete na qualidade domaterial didático elaborado pela equipe da Escola. Formada por
especialistas em seguros com sólida trajetória acadêmica, o saber disponível em nosso material
didático é um grande aliado para o voo profissional de cada um de nós.

Sumário

1

O SEGURO NO TEMPO, 7

2

PRINCÍPIOS BÁSICOS DO SEGURO, 13

3

OPERAÇÃO DE SEGURO, 21

4

O CONTRATO DE SEGURO, 27

A Evolução do Segurono Tempo, 8
Sistema Nacional de Seguros Privados – SNSP, 10

Finalidade do Seguro, 13
Definições de Seguro, 13
Elementos Básicos e Essenciais do Seguro, 14
Risco, 14
Segurado, 16
Segurador ou Seguradora, 16
Prêmio, 17
Indenização, 17
Características do Seguro, 18
Classificação e Divisão do Seguro, 19

Riscos Cobertos, 21
Riscos Não Cobertos ou Excluídos, 21
Importância Segurada (IS)ou Limite Máximo de Garantia (LMG), 22
Prêmio, 23
Prazo de Vigência do Seguro, 24
Sinistro, 24
Salvados, 25
Indenização, 25
Franquia, 25
Carência, 26
Ressarcimento e Sub-rogação, 26

Disposições Contratuais, 27
Características do Contrato de Seguro, 28
Divisão dos Ramos de Seguro, 28
Instrumentos Contratuais, 29
Proposta, 29
Apólice, 29
Outros Instrumentos Contratuais, 30
SUMÁRIO5

5

6

ESTRUTURA TÉCNICA DA OPERAÇÃO DE SEGURO, 31

Garantias, 31
Classificação das Garantias, 31
Formas de Contratação, 32
Seguros Proporcionais, 32
Seguros Não Proporcionais, 32
Reintegração da Importância Segurada ou Limite Máximo de Garantia, 33
Mecanismos de Pulverização do Risco, 34
Cosseguro, 34
Resseguro, 35
Retrocessão, 36

RAMOS DE SEGURO, 37

Grupo 01 – SegurosPatrimoniais, 42
Ramo 15 – Roubo, 42
Ramo 41 – Lucros Cessantes, 43
Ramo 67 – Riscos de Engenharia, 44
Ramo 71 – Riscos Diversos, 44
Ramo 73 – Global de Bancos, 46
Ramo 14 – Compreensivo Residencial, Ramo 16 – Compreensivo de Condomínio e
Ramo 18 – Compreensivo Empresarial, 47
Ramo 96 – Riscos Nomeados e Operacionais, 49
Grupo 03 – Seguros de Responsabilidades, 49
Ramo 51 –...
tracking img