Comunicação interna

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas: 14 (3345 palavras)
  • Download(s): 0
  • Publicado: 23 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
INTRODUÇÃO
Hoje, apesar de termos muitas formas de obter informações e conhecimentos, nem sempre estamos nos comunicando. Existe uma grande diferença entre comunicação e informação. Nas empresas não são diferente. Muitas informações acabam sendo produzidas, e acaba gerando impacto na vida dos funcionários, mas nem causam geram mudanças nas suas atitudes. Outras informações sequer chegam aosverdadeiros destinatários porque um gestor não identificou a essência comunicativa de determinado fato. Daí o valor da comunicação interna numa organização.
Deve ficar claro, portanto, que a Comunicação Interna não se restringe à chamada comunicação descendente, aquela que flui da direção para os empregados, mas inclui, obrigatoriamente, a comunicação horizontal (entre os segmentos deste públicointerno) e a comunicação ascendente, que estabelece o feed-back e instaura uma efetiva comunicação.
Nas organizações em que se pratica apenas a comunicação descendente, talvez nem seja apropriado mesmo falar-se em comunicação, porque, como um processo, ela precisa realizar-se nos dois sentidos.
Tradicionalmente, a comunicação interna tem sido relegada a um segundo plano no planejamento decomunicação das empresas, órgãos ou entidades, certamente porque falta aos empresários e executivos a consciência de que a comunicação (na verdade, a boa comunicação - transparente, ágil, democrática e participativa) é vital para o desenvolvimento e a sobrevivência das organizações.
É um equívoco imaginar que a comunicação interna se restringe à circulação periódica de um jornal para os funcionários,mesmo porque os jornais empresariais, com raras exceções, têm uma pauta acentuadamente burocrática e não incluem, necessariamente, os empregados como sujeitos ativos do seu processo de produção.
Nos últimos anos, em função do esforço para aumento da produtividade e da qualidade, a comunicação interna tem sido mais valorizada nas empresas, mas é preciso ainda derrubar uma série de tabus e,sobretudo, democratizar a estrutura formal das organizações, que se caracterizam (evidentemente, há poucas e boas exceções) por uma hierarquia rígida e autoritária.


























O QUE É E COMO COMEÇOU
A comunicação interna surgiu na Inglaterra, no século XIX, no cenário da Revolução Industrial, quando a mecanização da indústria têxtil, posteriormente aperfeiçoadapela tecnologia do vapor, determinando que as relações entre empregado e empregador passassem a ser formais. Estes trabalhadores vinham do sistema artesanal para o formal, em que se tornavam apenas um número. Com o intuito de estreitar a relação entre os operários e a empresa, foram criados jornais e revistas internas que, ao informar seus funcionários, os familiarizavam com o ambiente e a políticada instituição. Embora tenha surgido há mais de cem anos, a comunicação interna é vista como ferramenta de resultados, indispensável a partir da globalização, quando se inicia a alta competitividade e, ao mesmo tempo, responsabilidade social.
A comunicação interna são as interações, os processos de trocas, os relacionamentos dentro de uma empresa ou instituição. Também chamada deEndocomunicação, a comunicação interna é responsável por fazer circular as informações, o conhecimento, de forma verticalmente, ou seja, da direção para os níveis subordinados; e horizontalmente, entre os empregados de mesmo nível de subordinação.
Para a doutora em Ciências da Comunicação, Marlene Marchiori, que também é Membro do corpo de palestrantes da Aberje - Associação Brasileira de Comunicação Empresarial“a busca da valorização da comunicação interna deve ser entendida como estratégia básica dos empresários que desejam a efetividade de sua organização. Chega a ser irônico pensar que neste novo mundo, altamente tecnológico, com tantas transformações, o sucesso de um empreendimento continua a estar centrado nas pessoas. É por meio da comunicação que uma organização recebe, oferece, canaliza...
tracking img