Componentes patrimoniais

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2348 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 16 de maio de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
|CONTABILIDADE I (CONCEITOS BÀSICOS) |

UNIDADE II – Patrimônio

1. Definição

O patrimônio como um conjunto de bens, direitos e obrigações vinculados a uma pessoa ou a uma entidade. Podemos ainda defini-lo como conjunto de bens econômicos, ou conjunto de bens com fim específico.2. BENS, CAPITAL E PATRIMÔNIO

Dadas as afinidades entre os três termos, vamos conceituá-los, para que se possa fazer perfeita distinção entre eles.
Necessário se faz, também, para conceituação do que seja bem, estabelecer a distinção entre coisa, bem e riqueza.

2.1 Noção de coisa, bem e riqueza

Coisa - Coisa é o que simplesmente existe na natureza, independente da vontade eda in
tervenção do homem, como, por exemplo, a terra, os rios, as árvores e o ar.

Bem - Para satisfazer suas necessidades, o homem utiliza-se das coisas, transformando-as em bens. As coisas corpóreas transformam-se em bens quando recebem destinação útil à satisfação das necessidades humanas. Por exemplo, o fruto sisvestre é coisa até que o homem o colha,transformando-o em utilidade, para satisfazer uma de suas necessidades essenciais, a da alimentação; o rio transforma-se em bem quando o homem o utiliza para a navegação ou aproveita suas águas para outras finalidades.

Riqueza - Alguns bens não são conseguidos facilmente, porque sua quantidade é limitada. Esses são chamados bens econômicos, porque essa limitação lhes dá valor de troca. São bensdesejados e raros, chamados riqueza.

Riqueza, portanto, é tudo o que é útil, limitado, material e apropriável.

2.2 Classificação dos bens

Várias são as classificações dos bens, segundo o aspecto em que são considerados. Assim, a classificação mais importante para a Contabilidade é a que divide os bens em corpóreos e incorpóreos, também chamados materiais e imateriais, ou tangíveis eintangíveis. Como bens materiais, podemos citar imóveis, móveis, máquinas, mercadorias etc. Como imateriais, os créditos (valores a receber de terceiros), marcas, patentes etc.

De acordo com a destinação que recebem, os bens materiais podem ser classificados da seguinte forma:
Destinados à instalação: Prédios e terrenos, Móveis e utensílios e Instalações diversas.

Destinados à produção:Maquinismos e acessórios, Instrumentos e ferramentas Equipamentos diversos.

Destinados à transformação: Matérias-primas, Materiais diversos e Produtos químicos.

Destinados ao consumo: Materiais de escritório, Selo postais e Materiais diversos consumíveis.

Destinados à circulação: Dinheiro em Caixa e Bancos, Títulos de livre circulação.

Destinados à defesa: Aparelhos contra incêndio e Armas emunições.

Destinados ao transporte: Veículos.

Destinados às comunicações: Instalações telefônicas, radiofônicas e de telecomunicação.

Destinados à venda: Comprados pela empresa: mercadorias e Produzidos na empresa: produto, subprodutos e resíduos.

2.3 Capital

Quando os bens são utilizados na produção de outros bens, denominamo-los capital.
Nas entidades com objetivoeconômico, isto é, com finalidade de lucro, todos os bens que compõem seu patrimônio têm por fim a produção de outros bens. Por essa razão, o patrimônio dessas entidades recebe também a denominação de capital.
Assim, o ativo do patrimônio (bens e direitos) são os capitais aplicados; o passivo (obrigações e patrimônio líquido) representa os capitais obtidos para a aplicação no ativo.

Em contabilidadea palavra capital é habitualmente utilizada para representar a importância com que o proprietário inicia suas atividades. Após determinado período de atividades, essa importância inicial sofre modificações, pois o objetivo das empresas (entidades com fins econômicos) é exatamente o aumento de suas riquezas. A conta representativa do capital permanecerá com seu valor inicial até que sejam...
tracking img