Complexo de edipo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (260 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 24 de março de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
A cena do filme, onde Freud vai ate a casa de um paciente, que se chama Carl, para hipnotiza-lo, pois o mesmo atacou resentemente seu pai no meio deum jantar, exemplifica o desejo inconsiente que Carl possui de sua progenitora do sexo oposto.
Carl quando hipnotizado, conta a Freud sobre o medo quetinha do pai, simbolizando uma angustia de castração, onde relata que seu pai iria ataca-lo caso não se defendesse primeiro. Dessa angústia decastração vem a resolução da crise edipiana, que consiste em três etapas, recalcamento dos desejos; renúncia aos pais como objeto de desejo e incorporação dospais como objeto de identificação.
Ao longo da cena, Carl vai ate um manequim, que esta vestido com uma roupa de seu pai, exemplificando aidentificação deste com pai, para ter o amor de sua mãe; tira a peça de roupa do manequim o abraça e o beija de forma muito carinhosa, chamando-a de MÃE.
Caso orelacionamento prévio com os pais de Carl fosse relativamente amável e não traumático, e se a atitude parental não fosse excessivamente proibitiva, oestágio seria ultrapassado harmoniosamente. Em presença do trauma, que foi o caso do paciente de Freud, no entanto, ocorre uma neurose infantil que éum importante precursor de reações similares na vida adulta. O Superego, o fator moral que domina a mente consciente do adulto, também tem sua parte noprocesso de gerar o Complexo de Édipo. Freud considerou a reação contra o complexo de Édito a mais importante conquista social da mente humana.
tracking img