“Como nasceu nosso planeta?”

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 3 (676 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 24 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
QUESTIONÁRIO I
Questionário da aula – “Como nasceu nosso Planeta?”

1) Considerando o conhecimento atual, como se formou nosso planeta?
R: Nosso planeta provavelmente se formou em torno de 4,5bilhões de anos atrás, a partir de um disco de poeira que sobrou do material que construiu o nosso sol. Estes grãos de poeira se agruparam lentamente, desenhados pela gravidade, até formarem embriõesplanetários. Eventualmente, massa suficiente se uniu para formar o planeta Terra.

2) Que evidências indicam que os continentes estiveram unidos no passado?
R: Wegener alegava que uma das evidênciasde que os continentes poderiam ter se separado estaria no próprio contorno deles.
Comparando a costa da América do Sul com a África você pode observar que os dois continentes são complementares.Além da semelhança entre os dois continentes existem outros indícios.
Há sinais de uma gigantesca glaciação ocorrida há uns 250 milhões de anos e esses sinais são encontrados em todas as áreasterrestres do hemisfério sul atual, como no Brasil, na África e na Índia. Indicando que estes continentes estiveram unidos no passado e sujeito as mesmas condições climáticas.
O fóssil do pequeno réptilMesossauro encontrado no Brasil e na África é uma explicação de que os continentes estiveram juntos.
Brasil e África têm ainda rochas sedimentares iguais, isto é, rochas que foram depositadas entre 350milhões e 150 milhões de anos atrás.
Há cerca de 300 milhões de anos, florestas substituíram o gelo e originaram depósitos de carvão. No sul do Brasil e da África, a Austrália e a Índia existemdepósitos de carvão com a mesma idade.
Novas provas vieram do mar, com a invenção do submarino e a eclosão da Segunda Guerra Mundial , neste período era importante do ponto de vista militar conhecer o fundodo mar. Descobriu-se grandes elevações e depressões da crosta terrestre no fundo do oceano, algumas dessas depressões chegam a atingir 11 mil metros de profundidade onde há uma intensa atividade...
tracking img