Como funciona o dns

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 27 (6576 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 27 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
DNS - Domain Name System (ou Service)
* O que é o DNS?
* A história do DNS
* A organização do DNS
* Zonas
* Servidores primários e secundários
* Como funciona o DNS
* Os root servers
* Como é processado um inquérito
* Caching do DNS
* Diferença entre nomes de domínios e nomes de computadores
* Normas para a criação de nomes decomputadores
* Aliases
* Interface com o utilizador - nslookup
* Explorar uma zona
* Hierarquias DNS alternativas
* Configuração de servidores DNS
* /etc/svc.conf
* /etc/resolv.conf
* Named.boot
* Named.local
* Named.ca
* Hosts.db
* Hosts.rev
* RFCs
* O sistema actual de registos de nomes de domínios
* O novo sistema
*Entidades registadoras nacionais

O que é o DNS?
Com a utilização dos protocolos TCP/IP os computadores passaram a identificar-se uns aos outros através de endereços numéricos. Porém, é difícil memorizar diversos endereços numéricos correspondentes a diferentes computadores.
A solução foi adoptar nomes para os computadores dado que como são alfabéticos são pronunciáveis, e mais fáceis dememorizar. Dessa forma, em vez de se utilizar o endereço 192.105.232.4 para estabelecer uma ligação com um determinado computador, passava-se a utilizar o correspondente nome, por exemplo, mars.nasa.gov. Estes nomes lógicos também permitem que não seja necessário saber a localização física de um computador. Quando um computador é transferido para uma rede diferente, os utilizadores continuam a utilizar omesmo nome lógico. Com as aplicações que suportam os protocolos TCP/IP é possível utilizar indiferentemente nomes de computadores ou endereços numéricos (inclusivé nos browsers).
Mas foi então necessário estabelecer um sistema de mapeamento entre os nomes dos computadores e os respectivos endereços numéricos. O sistema de mapeamento que veio a vingar chama-se DNS (Domain Name System (ouService)). É este sistema que traduz nomes de computadores no respectivo endereço numérico IP.
A história do DNS
O sistema antigo de mapeamento entre nomes e endereços consistia num único ficheiro, conhecido como tabela de hosts (host table), que era mantido pelo Stanford Research Institute's Network Information Center (SRI-NIC). À medida que novos computadores se ligavam à Internet, o SRI-NICadicionava-os à tabela, tarefa que efectuava poucas vezes por semana. Os administradores dos computadores ligados à Internet tinham periodicamente de actualizar os respectivos servidores de nomes de domínios através da cópia, via FTP, do ficheiro de hostslocalizado no computador central do SRI-NIC.
Mas à medida que a Internet foi crescendo, a gestão da tabela de hosts tornou-se complicada. Emborafunciona-se bem para o mapeamento entre nomes e endereços, não era a forma mais prática e efectiva de actualizar e distribuir informação para os nós da rede.
Uma vez que a estabilidade da Internet estava em jogo, Paul Mockapetris e outras pessoas decidiram criar, em 1984, o DNS para resolver os problemas de crescimento. A grande vantagem deste novo sistema é que nenhuma entidade é a única responsávelpela sua actualização. O DNS baseia-se no conceito de base de dados distribuída, existindo em muitos servidores de nomes diferentes em todo o mundo, mas nenhum desses servidores possui toda a informação. Isto permite assim um crescimento praticamente ilimitado do DNS.
A base de dados do DNS é então utilizada pelas aplicações baseadas nos protocolos TCP/IP para realizar o mapeamento entreos hostnames e os endereços IP, e para fornecer informação de encaminhamento para o correio electrónico. Cada site (departamento universitário, campus universitário, empresa ou departamento dentro de uma empresa, por exemplo) mantém a sua própria base de dados de informação e executa um programa servidor que outros sistemas ligados à Internet podem questionar. O DNS fornece o protocolo que permite aos...
tracking img