Como fazer amigos e influenciar pessoas

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 17 (4237 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 9 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
1 INTRODUÇÃO
Esta pesquisa refere–se a Dale Carnegie, um homem de negócios bem sucedido que reproduz, por meio do livro Como Fazer Amigos e Influenciar Pessoas, suas experiências de vida.
A obra traz em suas páginas temas relevantes ao relacionamento entre pessoas, tanto no mundo administrativo como nas relações pessoais, para o leitor que busca uma orientação no que diz respeito aosrelacionamentos interpessoais. O autor aborda temas e exemplos que orientam a respeito de um melhor entendimento sobre o assunto, proporcionando um aprendizado que tem como foco o crescimento pessoal e profissional do leitor.
Como ponto de partida desta pesquisa, focalizamos nossa atenção na decisão de Dale Carnegie em escrever o livro, por meio de resumo dos temas abordados pelo autor e análise dosassuntos abordados em sua obra.
Trata-se de uma pesquisa de cunho bibliográfico, de um autor renomado.
O presente trabalho tem como objetivo geral explanar a visão do autor, abordando os pontos positivos e negativos de tratamentos existentes no relacionamento entre pessoas no seu cotidiano tanto no âmbito profissional como no pessoal.
Esta pesquisa contém os seguintes objetivos específicos:
-Realizar um resumo bibliográfico da obra Como Fazer Amigos e Influenciar Pessoas.
- Analisar criticamente os temas abordados pelo autor em sua obra;
- Relacionar a análise crítica da obra aos princípios gerais da Administração.







2 SÍNTESE DO LIVRO

Esta pesquisa está dividida em capítulos, que abordam os temas relevantes para o curso de Administração, trabalhados pelo autor em suaobra que, por meio de uma analogia crítica, foi extraída do livro de forma sucinta, sendo dividida em capítulos para um melhor entendimento dos leitores.


2.1 SE QUISER TIRAR MEL, NÃO ESPANTE A COLMÉIA.

Na primeira parte do livro, o autor foca a valorização da pessoa como criatura emotiva, suscetíveis às observações, norteadas pelo orgulho e vaidade. Diante disso começa com uma fraseque sintetiza o espírito do texto: “Se quer colher mel, não espante a colméia”.

Aborda que a crítica é fútil porque coloca uma pessoa na defensiva e geralmente faz com que ela se esforce para justificar-se, pois, a crítica é perigosa, fere o precioso orgulho do indivíduo, atinge o seu senso de importância e gera ressentimentos.

Muitas vezes, o culpado culpa a todos, menos a si mesmo. Porisso, ao criticar alguém, devemos lembrar que as críticas são como pombos, sempre voltam aos pombais. A pessoa criticada se justificará e, provavelmente nos condenará. Além disso, as críticas e as repreensões redundam sempre em futilidade. Sejamos indulgentes e não critiquemos, pois assunto nenhum justifica a crítica.

Carnegie (1995, p. 54), relembra a importância do método de não se criticar, osoutros:
Benjamin Franklin, que foi nomeado embaixador americano na França, relata o segredo de seu sucesso em ser tão hábil em lidar com as pessoas: “Não falarei mal de nenhum homem... e falarei tudo de bom que souber de cada pessoa”, não critique, não condene não se queixe.


2.2 O GRANDE SEGREDO DE TRATAR AS PESSOAS

O desejo de ser importante é uma das principais diferenças entre pessoase animais. Quase todo adulto normal deseja: saúde, alimento, repouso, dinheiro, vida futura, satisfação sexual, bem estar dos filhos, sensação de importância. Esses desejos são satisfeitos, menos um. É o que os psicanalistas chamam de desejo de ser grande. Se nossos antepassados não tivessem tido este desejo de se sentirem importantes, a civilização teria sido impossível. Sem eles seríamos apenasanimais.

O autor nos revela uma importante observação neste capítulo: O que determina o caráter de uma pessoa é o mais importante sobre a mesma.

Muitas pessoas desejam considerações que chegam a se tornar desequilibradas mentalmente para conseguir o seu intento. Imagine que um milagre poderá realizar dando às pessoas uma apreciação honesta deste aspecto de insanidade.

O elogio quando...
tracking img