Como deve ser a postura do educador da eja diante dos alunos resistentes as novas práticas de ensino, segundo explicações de sandra medrano coordenadora pedagógica do centro de educação e documentação para ação comunitária (cedac).

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 3 (560 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 6 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Sandra Medrano, coordenadora pedagógica do Centro de Educação e Documentação para Ação Comunitária (Cedac), explica qual deve ser a postura do educador da EJA diante dos alunos resistentes as novaspráticas de ensino:




Na Educação de Jovens e Adultos(EJA), quando os professores querem fazer uma mudança na prática pedagógica serem mais inovadores e romper com a representação de escola maisantiga, tradicional, ele encontra muitas vezes um obstáculo que é essa representação que o aluno tem, o aluno jovem e adulto, eles muitas vezes frequentaram a escola quando eram crianças, muitasvezes diferente da escola que se propõe atualmente, e se não frequentou, tem exemplos de situações com filho, com familiares próximos e muito diferente da educação que se propõe hoje.
É muito difícilpara um aluno pensar que não saber escrever ainda, saber que vai ter que escrever, então se ele não sabe escrever, ele copia, até ele chegar próximo a forma como se escreve de verdade ou como ele vaiarriscar a ler, se ele ainda não sabe ler e a insegurança de se colocar nesse lugar e não conseguir realizar a coisa como devido, faz com que não se coloque tranquilamente.
Quando o professor conseguemostrar que mesmo realizando as atividades, mesmo errando, mas pensando sobre aquilo que está sendo proposto, no caso da alfabetização na forma da escrita, o aluno vai poder avançar, pensar na hora queestá escrevendo, pensar quais letras vai utilizar que ordem vão poder discutir com os colegas, para poder pensar em palavras que ele já conhece, pode ser referência para ele escrever palavras que elenão conhece nesse exercício, nesse jogo de tentativa e erro é que eles pensam sobre esse sistema, com as crianças isso é mais tranquilo, elas se colocam diferente, como se estivessem brincando, elasse colocam nesse jogo brincando de errar e escrever de novo, os adultos principalmente de pouca escolaridade tem uma idéia que o fracasso escolar é culpa dele, essa coisa de escrever e tá errado é...
tracking img