Como classificar as pesquisas

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 21 (5235 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 17 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
METODOLOGIA DO TRABALHO ACADÊMICO

Unidade II
2 TIPOS DE CONHECIMENTO

O que é “conhecer”?
Conhecer é estabelecer uma relação entre a pessoa que
conhece e o objeto conhecido; criar um modelo/conceito mental
do objeto conhecido. As formas de aquisição de conhecimento
são: os sentidos, o raciocínio, a tradição e a autoridade.
5

10

15

20

• Sentidos: tudo o que a visão, aaudição, o paladar, o olfato
e o tato percebem.
• Raciocínio: compreensão. O pesquisador prova seus
objetos de pesquisa pelo raciocínio, adere as provas
lógicas aos argumentos provenientes da observação, da
leitura e de experiências anteriores. O observador pode
rever as mudanças ocorridas no ambiente que o conduziu
às primeiras conclusões e como os argumentos lógicos
negam as conclusõesanteriores.
• Tradição: as tradições são compreendidas pelo raciocínio e
pode incorrer em dogmas.
• Autoridade: oriunda dos pais, professores, governantes,
líderes partidários, jornalistas e escritores. À medida
que segmentos da população dão crédito a esses
conhecimentos, eles são tidos como verdadeiros. Esse
tipo de conhecimento é restrito ao conhecimento da
autoridade.

31

Unidade IICompreensão do universo

Ciência

Senso
comum
Filosofia

Religião
Arte
Loucura

Os tipos de conhecimento

2.1 Tipos de conhecimento: filosófico

É a forma de conhecimento caracterizada pela reflexão
racional e pelo foco na lógica. O estudo filosófico tem a
intenção de ampliar a compreensão da realidade, no sentido de
apreendê-la na sua amplitude, buscando conceitos, definições e
5classificações.
O filósofo está sempre pensando e avaliando a justiça, a
correção e todos os valores considerados universais. Ele não
tem um objeto de estudo único. Ele investiga e questiona
profundamente o ser, a sua natureza, sua essência e seu
10 fim.
O conhecimento filosófico:
• utiliza o raciocínio;
• surge da capacidade de reflexão;
• serve para estabelecer uma concepção geral do universo;
15• especulativo;
• não depende de provas materiais/reais;
• gera ideologias.

32

METODOLOGIA DO TRABALHO ACADÊMICO
São várias as contribuições da filosofia à humanidade. Dentre
elas, pode-se citar:
• matemática: os números, como as questões filosóficas,
são abstratos, mas são aplicados à realidade.
5

10

• teoria do conhecimento: a teoria do conhecimento
investiga os problemasdecorrentes da relação entre
sujeito e objeto do conhecimento, bem como as condições
primordiais do saber verdadeiro.
• lógica: o papel do filósofo no desenvolvimento de sistemas
formais que podem auxiliar o desenvolvimento técnico
foi primordial (informática, cibernética, inteligência
artificial).
Características do conhecimento filosófico:

15

• valorativo: o ponto de partida são hipótesesque não
podem ser submetidas à observação. O conhecimento
emerge da experiência e não da experimentação;
• não verificável: os enunciados das hipóteses filosóficas
não podem ser confirmados nem refutados, mas são
logicamente correlacionados;

20

25

• sistemático: suas hipóteses e seus enunciados visam
à representação coerente da realidade estudada, na
tentativa de apreendê-la como umtodo;
• infalível e exato: seus postulados e hipóteses não são
submetidos ao teste da experimentação. Há um esforço da
razão pura, com a finalidade de questionar os problemas
humanos e discernir entre o certo e o errado. A filosofia
emprega o método racional, em que prevalece a coerência
lógica.

33

Unidade II
2.2 Tipos de conhecimento: teológico ou
religioso

É a forma de conhecimentobaseada na fé e na crença, na
aceitação de princípios dogmáticos (irrefutáveis e indiscutíveis)
ligados à existência de entidades supra-humanas. Trata-se de
conhecimento por revelação divina, experiência religiosa ou
5 mística.
Características do conhecimento religioso:
• valorativo: apoia-se em doutrinas que contêm proposições
sagradas;
• inspiracional: revelado pelo sobrenatural;...
tracking img