Como administrar o estresse no ambiente de trabalho

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 26 (6254 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 17 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
CENTRO UNIVERSITÁRIO BARÃO DE MAUÁ
Curso de Gestão de Recursos Humanos























COMO ADMINISTRAR O ESTRESSE NO AMBIENTE DE TRABALHO









Alessandro L. Barbetta
Cibele Braga Barreto
Luciana MantoaniPaula M. M. Imbelino
Regina Célia Carottini










Ribeirão Preto
2007
1. Introdução

Pessoas, empresas, negócios, economia e sociedade. Tudo está em constante transformação. Saber enfrentar e conduzir as mudanças é a chave para aproveitar mais a evolução e asoportunidades.
Segundo Charles Handy, a partir de agora as pessoas devem assumir maior responsabilidades por suas carreiras e devem estabelecer propósitos na vida, em sua teoria defende também a tendência de as empresas trabalharem com apenas metade dos funcionários que estão habituadas. Os profissionais devem estar preparados para ter varias carreias, sem achar que se trata de um caminho ditado pelaempresa para levar vantagem.
A verdade é que o emprego seguro acabou, hoje o profissional que faz a diferença tem que ser especialista/generalista.
Neste contexto apresentamos um trabalho de conclusão de curso que refereÀse a administração do estresse nas atividades laborais.
Mas o que é estresse? Segundo Hans Selye “termo estresse, foi trazido da engenharia, que significao peso que uma ponte suporta até que ela se parta, assim definiu a sindrome de adapatação geral”.(Lipp, pág12)
Trata-se de um estimulo que motive a pessoa a lidar com as mudanças da vida. Todos os eventos quotidianos e familiares alegres ou tristes tornam-se importantes consoantes das mudanças e novidades produzidas.
Tanto nos eventos alegres e agradáveis quanto nos eventos ruinse desagradáveis causam o estresse como perder o emprego, receber uma promoção enfrentar um momento turbulento no trabalho ou no relacionamento com a família, ver nascer um filho ou perder um parente, ter um problema de saúde, ganhar muito dinheiro, estar endividado, comprar ou mudar de casa. Situações positivas e negativas que fazem parte da vida de qualquer pessoa e quando vivenciada o organismolança na corrente sanguínea uma descarga de adrenalina e cortisol, substância que tem a função de colocar a pessoa em alerta para se adaptar a nova realidade. Isso se chama estresse ou síndrome da adaptação geral, ou seja, trata-se de um estimulo que motive a pessoa a lidar com as mudanças da vida.
O problema ocorre quando as situações estressantes têm intensidade muito forte, ou duraçãoprolongada, ou quando a pessoa não esta preparada a gerenciar o estresse. Nesses casos o organismo fica sobrecarregado pelo constante estado de alerta e tensão e ao invés de motivar, faz a pessoa fugir da situação. Provoca predisposição para desenvolver doenças como gastrite, ulcera, cefaléia, bronquite, ansiedade, depressão, problemas coronários, câncer, além de desencadear emoção como raiva, queno ambiente de trabalho prejudica os relacionamentos, comunicação e também o nível de produtividade.
“O trabalho tem ingredientes do exercício do poder hierárquico, da exploração do medo da demissão... /estimulado, permitido ou ignorado pela empresa. Este tipo de violência tem comprometido seriamente a saúde dos trabalhadores gerando stress”. (Abreu, pág.48).
O estresse muitas vezes é ofator que desencadeia o abuso do uso de bebidas alcoólicas e tabaco, mas este assunto adentraremos em outra oportunidade; por hora nosso estudo de caso desvendará as causas do estresse nas organizações, discorreremos sobre mitos e verdades, derrubaremos tabus e proporcionaremos ações que possibilitem a administração do estresse nas organizações.


2. Evolução do Trabalho



O...
tracking img