Comex

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 13 (3068 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 11 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Teoria do Comportamento Humano

- Estudiosos, tiveram dificuldade em estabelecer parâmetros que distinguissem as Escolas de Relações Humanas e do Comportamento Humano, acabaram por generalizá-las como behavioristas (do comportamento).

- Na escola das Relações Humanas os indivíduos possuem atitudes, valores e objetivos que precisam ser estimulados para que se obtenha deles a eficiência,enquanto na do Comportamento Humano os indivíduos participam e defendem essa participação e defendem essa participação como pessoas capazes de tomar decisões e solucionar problemas.

- A teoria do Comportamento Humano surgiu nos Estados Unidos e é um desdobramento da escola das Relações Humana. Ela é uma oposição à Teoria Clássica.

- Entre os autores que se detiveram no estudo dessa teoria,destaca-se Herbert Simon com o livro O Comportamento administrativo, que aborda o papel desempenhado pelos indivíduos nas organizações, e Chester Barnard, que contribuiu significativamente com suas pesquisas sobre as funções gerenciais no livro As funções do executivo. Merecem também citação os trabalhos e pesquisas de Chris Argires e Douglas McGregor a respeito dos conflitos vivenciados pelosindivíduos no ambiente organizacional.

- HERBERT SIMON (1916-2001) – Economista e ganhador do Prêmio Nobel de Economia de 1978. Ele estudou e detalhou o comportamento humano dentro das organizações, definindo muito bem o ser humano como parte dinâmica do processo organizacional, pesando, agindo e tomando decisões. Para Simon, o empregado é um ser racional e tomador de decisões. Herbert Simon começou suasatividades na área pública e depois se voltou para área empresarial. Foi administrador, professor e consultor. A maior contribuição de Herbert Simon foi analisar o papel do indivíduo na organização de forma objetiva e realista. Retirou desse papel aquela visão ingênua e idealista dos autores anteriores. Ele está ligado ao comportamento humano como um autor objetivo e de capacidade de observaçãoacurada.

- Ideias Centrais:
- visão formal da organização
- visão informal da empresa
- autoridade: fenômeno psicológico ; e
- indivíduo: atuante na organização

- Os indivíduos são participativos, agem racionalmente e defendem sua participação nas situação que requeiram alternativas e soluções. A autoridade, aqui, é entendida como relação entre os chefes e respectivos empregados, amparadana confiança e na possibilidade de prêmios, por um lado, e no receio de decepcionar, por outro.

Teorias X e Y
McGregor é mais conhecido pelas teorias de motivação X e Y. A primeira assume que as pessoas são preguiçosas e que necessitam de motivação, pois encaram o trabalho como um mal necessário para ganhar dinheiro. A segunda baseia-se no pressuposto de que as pessoas querem e necessitamtrabalhar. Um argumento contra as teorias X e Y é o fato de elas serem mutuamente exclusivas. Para o contrapor, antes da sua morte, McGregor estava desenvolvendo a teoria Z, que sintetizava as teorias X e Y nos seguintes princípios: emprego para a vida, preocupação com os empregados, controle informal, decisões tomadas por consenso, boa transmissão de informações do topo para os níveis mais baixos dahierarquia, entre outros.

Teoria X
“O trabalho é em si mesmo desagradável para a maioria das pessoas.”
Nesta teoria, chamada por McGregor de “Hipótese da mediocridade das massas”, parte-se do pressuposto de que os trabalhadores possuem uma aversão nata à responsabilidade e às tarefas do trabalho, necessitando sempre de ordens superiores para render alguma coisa no trabalho. Estas ordens vêmsempre acompanhadas de punição, elogios, dinheiro, coação etc.; artifícios utilizados pelos gestores para tentar gerar um empenho maior do colaborador.
McGregor acreditava que as necessidades de ordem inferior dominavam as pessoas nesta Teoria. Assim, as organizações precisavam colocar a ênfase de sua gestão na satisfação dos fatores higiênicos dos trabalhadores, estudados na Teoria dos Dois...
tracking img