Comex

Páginas: 6 (1345 palavras) Publicado: 25 de abril de 2011
LOGÍSTICA DE IMPORTAÇÃO E EXPORTAÇÃO Profa. Fabiane Galvani
DIREITO MARÍTIMO E AÉREO
DIREITO MARÍTIMO
O Direito Marítimo dentro da idéia de completude do Direito.
Como se sabe, o Direito é um só. Classicamente, porém, costuma-se dividi-lo em Direito Público e Direito Privado.
A divisão do Direito em Público e Privado, consiste, via de regra, nageneralidade da norma jurídica.
O Direito Marítimo é misto. O Direito Misto, é a parte do Direito em que, sem haver predominância, há confusão de interesse público ou social com o interesse privado.
Diz-se que o Direito Marítimo é misto porque ora opera com normas de natureza pública (ex.: Regulamento Aduaneiro, Decreto nº 91.030/85), ora com as de natureza privada, como as que regem o comérciomarítimo em geral.
Mas, afinal, qual o conceito de Direito Marítimo?
Não se tem um conceito ideal da matéria. Há, até, quem defenda a inexistência de um "Direito Marítimo", tratando-se, pois, de um mero segmento do Direito Comercial e, naturalmente, do Direito Civil.
Não obstante, pode-se conceituar o Direito Marítimo como parte do Direito Comercial dedicada ao estudo das normas que regulam a"indústria" da navegação, o comércio marítimo e todos os atos, fatos e negócios jurídicos inerentes.
Predomina o entendimento, defendido pela poderosa Scuolla Del Diritto della Navigazione, de que o Direito Marítimo é um Direito autônomo, apesar de ser tido como parte do Direito Comercial.
Importante: boa parte da doutrina trata o Direito Marítimo como sendo a mesma coisa que o Direito da Navegação. Nãoé bem assim!
O Direito da navegação é essencialmente de ordem pública, contendo inúmeras normas internacionais. Disciplina, predominantemente, as chamadas regras de marinharia. Vale dizer: trata da regulamentação do tráfego visando a segurança da navegação, nos portos, nas vias navegáveis e no alto-mar (Ex.: regras de sinalização e de uso de bandeiras).
Além disso, o Direito da Navegação não estálimitado ao campo marítimo, abraçando, também, o aéreo.
Logo se vê que o Direito Marítimo é mais amplo que o da Navegação, abrangendo questões mais complexas, normalmente de ordem contratual.
Pois bem, posicionado o Direito Marítimo, faz-se importante comentar a ferramenta que instrumentaliza os transportes marítimos de cargas, qual seja: o contrato de transporte.
Temos como fontes legais:. Constituição Federal de 1988;
. Código Comercial;
. Art. 1.218 do Código de Processo Civil;
. [Consolidação das Leis Trabalhistas;]
. Decretos e Regulamentos;
. Projeto do Código Civil.
Dentre as Convenções Internacionais ratificadas pelo Brasil temos:

. Convenção de Direito Internacional Privado(Código Bustamante);
. Convenção Internacional para unificação de certas regras relativasaos privilégios e hipotecas marítimas;
. Convenção Internacional para unificação de certas regras em matéria de Abalroamento, Assistência e Salvamento Marítimo;
. Convenção Internacional para unificação de certas regras relativas à limitação da Responsabilidade dos Proprietários de Embarcação Marítima.;
. Convenções internacionais da Organização Internacional do Trabalho(OIT);
. Convençõesinternacionais da Organização Marítima Internacional ratificadas pelo Brasil;
. Convenção Internacional sobre Regulamento para Prevenir Colisões no Mar, 1983.
CONTRATO DE TRANSPORTE
O contrato de transporte marítimo é o instrumento que estabelece o vínculo jurídico entre o transportador e o consignatário das mercadorias transportadas. O embarcador, ou seja, aquele incumbido de embarcar asmercadorias (normalmente o produtor das mesmas), embora expressamente citado no contrato de transporte, não é parte principal dele, uma vez que ele contrata por conta e ordem do consignatário.
É denominado Conhecimento de Embarque, Conhecimento de Frete, Conhecimento de Carga, Conhecimento de Transporte e, mais comumente, Conhecimento Marítimo. Universalmente, se faz conhecido pela expressão inglesa...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • COMEX
  • Comex
  • Comex
  • comex
  • Comex
  • Comex
  • comex
  • Comex

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!