Comercio exterior

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 41 (10099 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 10 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
L. Nakabashi, M. J. Vargas da Cruz, e F. D. Scatolin – Efeitos do câmbio e juros sobre...

433

EFEITOS DO CÂMBIO E JUROS SOBRE AS EXPORTAÇÕES DA INDÚSTRIA BRASILEIRA*
Luciano Nakabashi** Marcio José Vargas da Cruz*** Fábio Dória Scatolin****
RESUMO O objetivo do presente artigo é analisar a relação das taxas de câmbio, de

juros e do crescimento mundial sobre o total das exportaçõesbrasileiras e de sua composição. As três variáveis mencionadas afetam não somente o montante exportado por um país, mas também sua composição. Adicionalmente, a estrutura dessa composição possui efeitos na própria dinâmica das exportações. O setor exportador, por sua vez, tem um papel-chave sobre o desempenho da economia brasileira, na medida em que as restrições externas ao crescimento têm seapresentado como um problema recorrente nos últimos 25 anos, o que ajuda a explicar o seu fraco desempenho. Essa importante relação entre as duas variáveis justifica um estudo mais detalhado da composição do setor exportador da economia brasileira.
Palavras-chave: mudança estrutural; exportações; taxa de câmbio; taxa de juros Código JEL: C13; F41; O14; O24; O25

* Artigo enviado em 8 de março de 2007 eaprovado em 7 de novembro de 2008. Os autores gostariam de agradecer aos pesquisadores Carlos Eduardo Fröhlich, Rafael Camargo de Pauli, Leonel Toshio Clemente, Jédson César de Oliveira e Guilherme R. S. Souza e Silva o auxílio na elaboração dos dados, e os excelentes comentários de dois pareceristas anônimos. ** Doutor em Economia pelo Cedeplar/UFMG, professor do Departamento de Economia daUniversidade Federal do Paraná (UFPR), e-mail: luciano.nakabashi@ufpr.br *** Mestre em Economia pela Universidade Federal do Paraná, professor do Departamento de Economia da Universidade Federal do Paraná (UFPR), e-mail: marciocruz@ufpr.br **** Doutor em Economia pela University of London, professor do Departamento de Economia da Universidade Federal do Paraná (UFPR), e-mail: scatolin@ufpr.br

R.Econ. contemp., Rio de Janeiro, v. 12, n. 3, p. 433-461, set./dez. 2008

433

434

R. Econ. contemp., Rio de Janeiro, 12(3): 433-461, set./dez. 2008

THE IMPACTS OF EXCHANGE RATE AND INTEREST RATE ON BRAZILIAN EXPORTS

ABSTRACT The goal of the present study is to analyze the effects of exchange rate, interest rate and world income growth on the Brazilian total exports and its structure.Exchange rate, interest rate and the world income growth affect not only the country total exports but also its structure. Additionally the exports structure plays an important role on the exports dynamic. The economy’s export sector, in turn, has had a crucial role on the performance of the Brazilian economy because the balance of payments restriction has presented as a relevant obstacle to itssustainable economic growth over the last 25 years. This pertinent relation between exports sector performance and economic growth justifies a more comprehensive study of the Brazilian export sector structure.

Key words: structural change; exports; exchange rate; interest rate

L. Nakabashi, M. J. Vargas da Cruz, e F. D. Scatolin – Efeitos do câmbio e juros sobre...

435

INTRODUÇÃO

Osetor exportador tem um papel-chave sobre o desempenho da economia brasileira, na medida em que as restrições externas ao crescimento têm se apresentado como um problema recorrente nos últimos 25 anos, o que ajuda a explicar o seu fraco desempenho. A abordagem da teoria pós-keynesiana serve de base para a argumentação de que o desempenho do setor exportador é essencial na determinação docrescimento, no longo prazo, devido ao seu duplo papel de estímulo à demanda pelos produtos domésticos e de relaxamento da restrição externa ao crescimento. Adicionalmente, o desempenho do setor exportador tem um impacto direto sobre a estrutura produtiva de um país, na medida em que determina os setores mais competitivos desta e, portanto, com maiores potenciais de crescimento. Já que a estrutura...
tracking img