Cola

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 3 (513 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 26 de agosto de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
foi já algum tempo, mas lembro-me disto como se fosse hoje!!!
tinha uma vida feliz com a minha família, minha mãe ficava na caserna a fazer o comer, meu pai e eu trabalhávamos no campo....éramospessoas simples, mas muito ricas de espírito...vivíamos num monte, nossa casa ficava numa clareira no meio da floresta.....
uma tarde fui ate a cidade comprar ração para os cavalos, quando estava deregresso a casa já estava a anoitecer, reparei num forte clarão que vinha de perto da minha casa...comecei a correr e deparei-me com minha casa em chamas, meus pais ensanguentados jazidos no chão, e 3homens muito altos, curvados, feios e peludos estavam comendo os meus animais, já tinha ouvido falar daqueles seres, eram monstros horríveis que comiam carne humana e não só, o povo chamava-os delobisomens(meio homens meio lobos)...eu numa atitude corajosa mas ingénua, saquei da minha faca e corri para os lobisomens, saltei para cima de um deles e cortei as goelas dele....quando reparei nos olhosfuriosos e famintos dos outros 2, percebi q tinha cometido o maior erro da minha vida, ponho-me em fuga e entro no mato, mas aqueles monstros eram bem mais rápidos que eu e alcançaram-me em poucosminutos...de imediato fui atacado, eles iam matar-me ali, se não fosse.....bem....algo surge do escuro das arvores, e ataca os 2 monstros, foi uma luta que eu nunca vi, algo horrível de mais paraexplicar, só posso dizer q os 2 lobisomens acabaram decapitados...o homem que me defendeu estava estendido no chão, parecia bastante ferido, eu levantei-me e fui ajuda-lo, ele bem baixinho diz-me q mechegasse perto dele, assim o fiz, quando dei por mim estava a ser mordido no pescoço, senti-me a morrer, já n tinha força nem para me mexer, quando ele faz um golpe no braço e me da a beber do seu própriosangue, nesse instante senti-me o ser mais poderoso do mundo...depois de contemplar a minha força, virei-me para trás para agradecer, mas o estranho ser já lá não estava, mas tinha deixado algo, era...
tracking img