Coco da bahia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 25 (6144 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 14 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
1 ORIGEM

Um trabalho de filogenia molecular realizado nos EUA com o coco-da-bahia, concluiu que esta espécie não pode ser originária das Ilhas do Pacífico Ocidental como hipotiza a maioria dos cientistas e que sua origem mais provável é a América do Sul (Brasil). Esta afirmação baseia-se nas semelhanças morfológicas do endocarpo das espécies desta tribo tipicamente brasileira – presença detrês poros, ausentes nas espécies das demais tribos.
O trabalho filogenético conduzido na Universidade de Missouri pelo botânico Bee F. Gunn baseou-se na sequência gênica nuclear prk e confirma o parentesco próximo do coco com as demais espécies desta tribo, hipotizando que a partir da América do Sul durante o Paleoceno o coco foi levado por correntes marítimas para a África, Madagascar e Índia e delá para a Australásia e Nova Zelândia até o período Oligoceno. Os fósseis de endocarpos (caroços) de coco encontrados na Índia são do baixo Eoceno, quando a Índia já havia separado de Madagascar, o que está de acordo com os eventos tectônicos ocorridos.


2 CARACTERÍSTICAS

O coqueiro é uma planta pertencente à Família Palmae, uma das mais importantes famílias da classe Monocotyledoneae.Todos os coqueiros cultivados pertencem à espécie Cocos nucifera L. O coqueiro é uma planta que apresenta contínuo florescimento e frutificação ao longo do ano.


2.1 RAÍZES

Possui sistema radicular fasciculado, com raízes primárias de 8mm a 10mm de diâmetro e um número variável de 2000 a 10000 raízes dependendo das condições ambientais e/ ou material genético. Das raízes primarias partemas secundarias, de onde se originam as terciárias, que produzem radicelas medindo 1mm a 3mm de diâmetro, sendo verdadeiros órgãos de absorção. A profundidade do sistema radicular é variada.


2.2 CAULE

O caule do coqueiro é do tipo estirpe, não ramificado, muito desenvolvido e bastante ramificado. Em seu ápice, prende-se um tufo de folhas que protege a sua única gema apical. A inflorescênciaé a única ramificação deste caule, pois é considerada um ramo caulinar modificado. A parte terminal do tronco, de onde se formam novas folhas, é tenra e comestível, constituindo o palmito.


2.3 FOLHA

A folha é do tipo penada, sendo constituída pelo pecíolo, que continua pelo raquis, onde se prendem numerosos folíolos. Uma folha madura possui comprimento variável, com 200 a 300 folíolos de90cm a 130cm de comprimento. O comprimento e o número de folíolos variam de acordo com a idade do coqueiro. Um coqueiro-gigante adulto emite de 12 a 14 folhas por ano e um coqueiro-anão adulto 18 folhas por ano. Essas folhas permanecem no coqueiro por um período de três a três anos e meio, apresentando uma copa de 25 a 30 folhas


2.4 INFLORESCÊNCIA

O coqueiro possui inflorescênciaspaniculadas e axilares, protegidas por brácteas grandes, chamadas espatas. A espata, ao complementar seu desenvolvimento (três a quatro meses), abre-se, libertando a inflorescência, que é formada pelo pedúnculo, espigas e flores. Cada espiga possui flores masculinas e numerosas flores femininas. O número de flores femininas é influenciado pelas condições nutricionais e hídricas da planta.


2.5 FRUTOO fruto é uma drupa. É formado por epiderme lisa ou epicarpo, que envolve o mesocarpo espesso e fibroso, ficando mais para o interior uma camada muito dura, o endocarpo. A semente é envolvida pelo endocarpo que é constituído por uma camada de cor marrom chamada tegumento que fica entre o endocarpo e o albúmen. O albúmen é uma camada branca, carnosa e muito oleosa, formando uma grande cavidade ondefica o albúmen líquido (água de coco). Próximo a um dos orifícios do endocarpo e envolvido pelo albúmen sólido, está o embrião.


3 COMPOSIÇÃO QUÍMICA

O Brasil é o único lugar do mundo onde o coco é utilizado como fruta, empregado na produção de balas, doces e sorvetes, além de ser bastante empregado na culinária nordestina, enquanto que nos demais países produtores, o coco é...
tracking img