Coca cola

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 19 (4656 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 10 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
INTRODUÇÃO


Nesse trabalho irei relatar dados analisados sobre a empresa THE COCA-COLA COMPANY que estão divididos em quatro embasamentos principais, que foi extraído da obra 50 EMPRESAS QUE MUDARAM O MUNDO de Howard Rothman.
O primeiro embasamento é o administrativo onde veremos as características da abordagem da teoria da administração. Na segunda parte é o embasamento matemático comjuros, descontos e promissórias. Na terceira parte o embasamento econômico onde se enquadram dados de economia e em relação à própria marca e por último o embasamento contábil relacionado às contas contábeis do ativo e passivo da empresa.







SUMARIO

introdução
Parte I – embasamento administrativo
Parte II – embasamento matemático
Parte III - embasamento econômico
Parte IV –embasamento contábil
Conclusão
Bibliografia











PARTE I – EMBASAMENTO ADMINISTRATIVO




















PARTE II – EMBASAMENTO MATEMÁTICO



















PARTE III – EMBASAMENTO ECONÔMICO
Estruturas de mercado são modelos que captam aspectos inerentes à organização dos mercados, realçando características tais como: o tamanho das empresas,a diferenciação dos produtos, a transparência do mercado, os objetivos dos participantes, o acesso de novas empresas. No mercado de bens e serviços, as formas e mercado, segundo essas cinco características, são as seguintes: concorrência perfeita, monopólio, concorrência monopolística (ou imperfeita) e oligopólio. Existe uma série de modelos sobre o comportamento das empresas na formação de preçosde seus produtos. A diferença maior entre esses modelos está condicionada ao objetivo ao qual a firma se propõe: maximizar lucros, maximizar participação no mercado, maximizar margem de rentabilidade sobre os cursos, etc. Quanto aos seus objetivos, as empresas defrontam-se com duas possibilidades principais: maximizar lucro e maximizar mark-up (margem sobre os custos diretos). Dentro da teorianeoclássica ou marginalista, o objetivo da empresa é sempre maximizar o lucro total. Este trabalho acadêmico visou apresentar de uma forma sistêmica estas quatro estruturas de mercado dando definições e exemplos reais de empresas atuais.
Monopólio é uma condição de mercado caracterizada pelo controle, por um só produtor, dos preços e das quantidades de bens ou serviços oferecidos aos usuários econsumidores. Estes usuários e consumidores não possuem alternativas senão comprar do monopolista. Isso faz com que o monopolista opere sempre com lucros extraordinários. O preço cobrado pelo monopolista será sempre maior do que em competição perfeita e a quantidade vendida sempre menor. (KUPFER, 2002).
As causas da existência do monopólio são várias, algumas políticas, outras econômicas e outrastécnicas. As principais causas apontadas pela teoria econômica neoclássica são: (KUPFER, 2002).
• Propriedade exclusiva de matérias-primas ou de técnicas de produção;
• Patentes sobre produtos ou processos de produção

Monopólio
Uma estrutura de mercado monopolista apresenta três características principais: uma única empresa produtora do bem ou serviço, não há produtos substitutos próximos,existem barreiras à entrada de firmas concorrentes.
As barreiras ao acesso de novas empresas nesse mercado podem ocorrer de três formas: monopólio puro ou natural (devido à alta escola de produção requerida, exige um levado montante de investimentos), proteção de patentes (direito único de produzir o bem); controle sobre o fornecimento de matérias primas chaves e tradição no mercado.
Umahipótese implícita no comportamento do monopolista é que ele não acredita que os lucros elevados que obtém a curto prazo possam atrair concorrentes, ou que os preços elevados possam afugentar os consumidores, ou seja, acredita que, mesmo a longo prazo, permanecerá como monopolista.
Uma categoria diferenciada de monopólio é o estatal ou institucional, protegido pela legislação, normalmente em...
tracking img