Cobras

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1682 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 6 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio Cândido Portinari






Serpentes







Rolim de Moura
2012
João Junior




Comissão da Verdade













Trabalho apresentado na Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio Cândido Portinari, referente ao trabalho da disciplina de Biologia lesionado pelo professor Arlete Cassol.Rolim de Moura
2012



Sumario
1. INTRODUÇÃO 2

1. SERPENTES PEÇONHENTAS 3

2.1 SERPENTE MAIS VENENOSA DO MUNDO 4

2. SERPENTES PEÇONHENTAS DO BRASIL 5

3.1 Serpente mais Venenosas do Brasil 5

3. SERPENTE NÃO VENENOSAS 8

4. CONCLUSÃO 9

5. REFERENCIAS 10






































1. INTRODUÇÃO



Asserpentes são animais que podem causar problemas a homens e animais, mas apenas as venenosas são perigosas. Através deste trabalho apresentaremos as mais venenosas do Brasil e do mundo e suas características, e como podem ser identificadas as peçonhentas e não peçonhentas.

















































SERPENTES PEÇONHENTASAs serpentes ou cobras são repteis temidas e adoradas pela humanidade desde tempos imemoriais. Ela pertence à subordem serpentes, uma das três subordens da ordem Squamata. Possuem corpo alongado, desprovido de patas e recoberto por escamas; e a temperatura corporal varia de acordo com o ambiente, sendo, por isso, classificadas como animais ectotérmicos. Muitas são venenosas sem, noentanto, serem consideradas peçonhentas, já que esta classificação implica que tenham condições de inocularem este veneno.
Em nosso país existem mais de 370 espécies de serpentes, distribuídas em dez famílias: Anomalepididae, Leptotyphlopidae, Typhlopidae, Aniliidae, Tropidophiidae, Boidae, Viperidae, Elapidae, Colubridae e Dipsadidae. Destes indivíduos, os pertencentes às famílias Viperidae eElapidae são os peçonhentos.
Serpentes da família Viperidae são as jararacas, surucucus e cascavéis. Estas possuem fosseta loreal: um orifício localizado entre o olho e a narina da serpente, semelhante a uma narina.
O par de dentes para inoculação de veneno dos indivíduos desta família é longo, dianteiro e curvado para trás – se movimentando para frente no momento do bote; enquantoos demais são poucos e pequenos. Este tipo de dentição é chamado solenóglifa. Estes animais, assim como jiboias, salamantas e dormideiras possuem a pupila com fenda.
Cascavéis possuem, no fim da cauda, uma estrutura semelhante a um chocalho. Surucucus, nesta região, têm escamas eriçadas e um pouco salientes. No caso das jararacas, a ponta da cauda é normal. Estas últimas também têm como padrãopara identificação, escamas com desenhos semelhantes a “v” invertidos, ou ganchos de telefone.
Serpentes da família Elapidae são as corais verdadeiras. Apesar de não possuírem a fosseta loreal, apresentam um padrão de cor característico: vermelho, preto e branco ou amarelo. A dentição é do tipo proteróglifa: dentes inoculadores dianteiros, fixos, pequenos e que pouco se destacam entre osdemais.


2.1 SERPENTE MAIS VENENOSA DO MUNDO

Taipan
[pic]
Essa cobra da Austrália tem um veneno forte o suficiente para matar até 12.000 porquinhos-da-índia. Já foi comparada a mamba-preta africana na morfologia, ecologia e comportamento. Seu veneno coagula o sangue da vítima, bloqueando as artérias ou veias. Também é altamente neurotóxico. Antes do desenvolvimento de antídotos, nãohavia sobreviventes conhecidos de uma picada de Taipan. A morte ocorre tipicamente dentro de uma hora. Mesmo com o sucesso na administração de um antiveneno, a maioria das vítimas tem uma estadia extensa em cuidados intensivos.
Reprodução; As fêmeas realizam a desova entre novembro e dezembro, numa quantidade que pode chegar a 20 ovos. O período de incubação é de cerca de 90 dias e os filhotes...
tracking img