Cobit

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 25 (6228 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 18 de setembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Governança de TI: comparativo entre COBIT e ITIL
Eduardo Almansa Sortica
EPUSP-LARC / SENAC SP
email: eduardo.asortica @sp.senac.br
Sérgio Clementi
EPUSP – LARC / FSA
email: sergio.clementi @fsa.br
Tereza Cristina M. B. Carvalho
EPUSP – LARC
email: carvalho @larc.usp.br
Abstract
This paper has the purpose to present a practical guide to compare the Information Technology(IT) methodologies most used into corporate organizations worldwide. A case study is presented
and analyzed through these methodologies. The aim is to identify characteristics that are the
same or that are different among them, and how these methods can help to increase the control
and automation level of corporate processes. Furthermore, has the objective to establish a
relationshipbetween IT and administration/strategy processes.
Resumo
Este artigo tem por objetivo apresentar um comparativo prático entre as metodologias de gestão
da Tecnologia da Informação (TI) mais utilizadas atualmente pelas empresas e analisar um estudo
de caso sob a ótica destas metodologias. Busca identificar as semelhanças e diferenças destas
metodologias e como elas podem ajudar a aumentar ograu de controle e automação dos
processos corporativos, relacionando a TI aos processos de gestão estratégica e administrativa de
uma organização.
Palavras chave: Governança; TI; COBIT; ITIL.
1 Introdução
É princípio básico de uma organização buscar a gerência dos seus processos internos e também a
forma de comunicação destes processos com os seus fornecedores e parceiros de negócios,que
podemos chamar de processos externos à organização. Isso visa identificar as interfaces entre
esses processos, as responsabilidades das áreas da empresa, das pessoas e o desempenho esperado
medido por indicadores e metas. Na maioria dos casos, tendo as interfaces definidas, as
responsabilidades claras entre as áreas e a mensuração do desempenho, as empresas conseguem
alcançar oobjetivo final que é a melhoria dos serviços devido aos ganhos de rapidez e
produtividade.
As empresas costumam chamar de sistema da qualidade ao conjunto de processos controlados e,
muitas delas, possuem departamentos específicos, independentes, com a responsabilidade de
tratar da melhoria contínua e evolução dos processos. Existem programas que atingem os vários
níveis da organização, desdeos processos produtivos de operação e manutenção até os processos
administrativos da controladoria e do jurídico. Além disso, para uma empresa de serviços,
existem dois elos na cadeia de relacionamento que são os clientes e os fornecedores, não sendo 2
possível à empresa dissociar seus processos da interação com seus consumidores e parceiros de
negócio. Os acordos de nível de serviço sãouma maneira de gerir essa inter-relação.
O problema que se apresenta é justamente que a melhoria e evolução dos processos não têm fim,
pois os negócios podem ser sempre melhorados nos requisitos de organização, eficiência e grau
de automação.
Para tanto, dependendo do porte e do perfil do negócio da empresa, existem, disponíveis no
mercado, uma série de metodologias que norteiamferramentas de sistemas e treinamentos de
capacitação, e que prometem revolucionar o sistema de gestão e a relação entre fornecedor –
empresa – cliente. Entidades idôneas podem auditar e certificar empresas quanto à eficiência da
aplicação de algumas destas metodologias.
Como exemplos de metodologias disponíveis e largamente aceitas no mercado, podemos citar: o
COBIT [ISACA 2000c] para gestão daTI inovando através da Governança Tecnológica e o ITIL
[OGC 2002a] que padroniza uma série de processos operacionais e de gestão também ligados a
TI. O objetivo é criar uma sistemática padronizada suportada por processos, possivelmente
automatizados, que seja entendida e que esteja ao alcance de todos numa organização, que possa
ser replicada e, sobretudo, permita evolução.
O conceito...
tracking img