Clina de estetica

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1427 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 10 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Biossegurança e Ergonomia
Objetivos gerais:

Fornecer noções básicas, mostrar a
importância da Higiene no trabalho,
principalmente em relação à biossegurança
e esterilização de materiais.
Estabelecer a relação entre as condições do
ambiente de trabalho, a produtividade e a
qualidade dos produtos e serviços
Objetivos específicos:

Analisar as condições ambientais de trabalho
comoiluminação, ruído, temperatura e
umidade.
Prevenção e estatística de acidentes;
importância da CIPA; qualidade de vida no
trabalho; importância da ergonomia.
Esterilização e controle microbiológico de
cosméticos.
Plano de ensino da disciplina:

_ Biossegurança: definição de Saúde e Higiene;
_ Segurança do Trabalho: princípios, normas e
cuidados;
_ Normas básicas de segurança emlaboratórios e
clínicas:
_ Riscos físicos, químicos e biológicos
_ Tipos de EPI e seu uso
_ Tipos de EPC e seu uso
_Acidente de trabalho:

_ Causas, prevenção e combate a incêndios
_ Ato inseguro e condição insegura
_ Importância da CIPA;
_ Qualidade de vida no trabalho;
_ A importância da ergonomia:
_ LER ou DORT – as doenças mais comuns
_Definições de: fogo, combustível (classificação emA, B, C, D e especiais):
_ Comburente, calor (fontes de calor e meios de
transmissão)
_ Medidas de prevenção e combate a acidentes em
geral e incêndios

Esterilização:
_ Introdução: microrganismos
_ História e conceitos
_ Métodos químicos e físicos de esterilização
_ Desinfetantes e esterilizantes.
Introdução à Biossegurança:

Era Microbiológica – descoberta das
“células” ou“pequenas caixas” em 1665 por
Hobert Hooke.
_1863 – Florence Nightingale reduziu a
incidência de infecção hospitalar com
medidas de higiene e limpeza;
_1864 – Louis Pasteur desenvolveu a técnica
de pasteurização;
5
9
Introdução à Biossegurança:
Era Microbiológica – descoberta das
“células” ou “pequenas caixas” em 1665 por
Hobert Hooke.
_1863 – Florence Nightingale reduziu a
incidência deinfecção hospitalar com
medidas de higiene e limpeza;
_1864 – Louis Pasteur desenvolveu a técnica
de pasteurização;
10
_1867 – Joseph Lister tratou os ferimentos
com fenol, reduzindo a infecção hospitalar;
_1876 – Robert Koch demonstrou que uma
doença infecciosa específica é causada por
um microrganismo específico.
_Últimos 40 anos – início da era genética.
Era Genética

_Pesquisas naprodução de técnicas da
engenharia genética e da biologia molecular.
_1970 – EUA primeira discussão sobre os
impactos da engenharia genética na
sociedade.
Breve histórico:

_ 13 de junho de 1988 – resolução nº 1 do Conselho
Nacional de Saúde;
- Aprova as normas de pesquisa em saúde.
- 1ª legislação sobre biossegurança;
_ 05 de janeiro de 1995 – Lei nº 8974:
- Cria a CNTBio (ComissãoTécnica Nacional de
Biossegurança)
- Estabelece normas para o uso das técnicas de
engenharia genética e liberação no meio ambiente de
organismos geneticamente modificados.
_ 20 de dezembro de 1995 – Decreto nº 1752:

-Regulamenta a Lei nº 8.974, de 5 de janeiro de
1995, dispõe sobre a vinculação, competência e
composição da Comissão Técnica Nacional de
Biossegurança - CTNBio, e dá outrasprovidências.
CNTBIO
_ Comissão Técnica Nacional de
Biossegurança (CTNBio) – vinculada a
Secretaria Executiva do Ministério da Ciência
e Tecnologia;
- Código de ética de Manipulações
Genéticas;
- Estabelece os mecanismos de
funcionamento das Comissões Internas de
Biossegurança (CIBio)
A CNTBio:
_ Emite Certificado de Qualidade em
Biossegurança (CQB);
_ Entre outras funções,objetivando
crescimento de pesquisas de qualidade.
A biossegurança no Brasil: processos envolvendo
organismos geneticamente modificados e questões
relativas a pesquisas científicas com células-tronco
embrionárias, de acordo com a Lei de Biossegurança -
N.11.105 de 24 de Março de 2005.
O órgão regulador dessa Lei é a Comissão Técnica
Nacional de Biossegurança (CTNBio), integrada por...
tracking img