Classe polychaeta

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1075 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 27 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Classe Polychaeta
A classe Polychaeta (cerca de 8000 espécies) é representada por animais marinhos, tais como: Eunice, Neanthus (antigo gênero Nereis), etc. Estes diferem dos oligoquetos em muitos aspectos. As figuras 52 e 53 demonstram as variações de formas de poliquetos.
Os poliquetos apresentam em cada segmento do corpo um par de apêndices laterais carnosos, semelhantes a nadadeiras,chamados parapódios, com muitas cerdas implantadas. Esses apêndices laterais servem para locomoção e também, em algumas espécies, para trocas gasosas. Na região anterior existe uma cabeça bem desenvolvida com um prostômio que contêm olhos, antenas e um par de palpos. A boca situa-se no lado ventral, entre o prostômio e a região pós-oral, chamada peristômio, que é o primeiro segmento verdadeiro. Aregião não segmentada terminal (o pigídeo) traz o ânus. Porém poucos poliquetas exibem essa estrutura típica. Os diferentes estilos de vida dos vermes dessa classe levaram a graus variáveis de modificação no plano básico.
Esses anelídeos podem ser errantes (movimentos livres) ou sedentários (tubícolas). Os errantes são vermes nadadores, carnívoros caçadores e, portanto, apresentam adaptações para estemodo de vida. Os parapódios são bem desenvolvidos, ocorrem apêndices sensoriais. A cabeça é comumente provida de palpos ou outras estruturas para auxiliar a alimentação. A respiração encontrada na classe é geralmente branquial. Os sexos são geralmente separados e o desenvolvimento é indireto com uma larva trocófora (figura 54). Existe também a reprodução assexuada em algumas espécies (brotamentoou regeneração). Os poliquetas têm um alto poder de regeneração. Os tentáculos, palpos e até as cabeças arrancadas por predadores são logo repostos. A epitoquia é um fenômeno reprodutivo característico de muitos poliquetas e especialmente bem conhecido em alguns. Trata-se da formação de um indivíduo reprodutivo pelágico (epítoco) que é adaptado a deixar os buracos, tubos e outras adaptações nofundo. Os segmentos portadores de gametas do epítoco são com freqüência os mais incrivelmente modificados e corpo do verme parece dividir-se em duas regiões acentuadamente diferentes. Geralmente, os poliquetas epítocos nadam para a superfície durante a eliminação de óvulos e espermatozóides. Esse comportamento sincronizado (chamado enxameamento) congrega indivíduos sexualmente maduros em um períodorelativamente curto, aumentando a probabilidade de fertilização.

Reprodução sexuada
A maioria das espécies de poliquetas, tanto quanto se sabe, reproduz-se apenas sexuadamente possuindo na generalidade sexos separados (espécies gonocóricas). O hermafroditismo é conhecido apenas em poucas espécies de Serpulídeos e Nereiídeos de água doce.
As gónadas dos poliquetas são órgãos específicos, masa sua localização e número variam nas diferentes espécies. Ocorrem usualmente no tecido conectivo associado a estruturas como septos, vasos sanguíneos e revestimento do celoma.

A formação de gâmetas pode ocorrer ao longo de todo o corpo ou em segmentos particulares (segmentos genitais), mas quando o poliqueta possui claramente uma região torácica e uma região abdominal as gónadas encontram-seno abdómen. Nas poucas espécies hermafroditas, os óvulos formam-se nos segmentos anteriores do abdómen e os espermatozóides nos segmentos posteriores da mesma região.
Usualmente, os gâmetas são lançados no celoma, sofrem maturação no fluído celómico e são posteriormente lançados para o exterior de vários modos: via ductos específicos que se desenvolvem durante a fase de maturação sexual, vianefridióporos, via aberturas anais específicas, ou via ruptura da parede do corpo, após a qual o adulto morre.
Assim, na maioria das espécies de poliquetas a fertilização é externa e seguida de um desenvolvimento onde estão presentes estágios larvares (desenvolvimento indirecto).
Algumas espécies, contudo, possuem fertilização interna e os seus ovos podem ser libertados na coluna de água ou ficar...
tracking img