Cipa

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2356 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 3 de julho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
A CIPA – Comissão Interna de Prevenção de Acidentes de Trabalho no Brasil


“Pesquisa revela que a CIPA é uma ferramenta indispensável para a prevenção de acidentes e doenças do trabalho e melhorias nas condições de trabalho nas empresas do Brasil, porém é formada de contrastes e nem sempre funciona como deveria ou mesmo recebe o valor que merece.”

Sobre a pesquisa:

Durante 45 diaso site www.segurancanotrabalho.eng.br com o apoio da Revista Proteção disponibilizou uma pesquisa sobre a atuação das CIPA’s no Brasil, buscando levantar informações e dados relevantes a respeito de um mecanismo de ação comprovada para a qualidade de vida dos trabalhadores.
Participaram da pesquisa centenas de profissionais de Segurança e Saúde do Trabalho ( técnicos de segurança dotrabalho, engenheiros de segurança do trabalho, médicos do trabalho, enfermeiros do trabalho, estudantes de segurança e medicina do trabalho e demais profissionais que atuam na área e que de alguma forma já tiveram oportunidade e a experiência de participar e atuar numa CIPA.
A pesquisa buscou levantar informações e dados sobre a atuação das CIPAS´s no Brasil em seus aspectos técnicos eadministrativos e os resultados obtidos você acompanha a partir de agora.


[pic]


TST= Técnicos de Segurança no Trabalho / EST= Engenheiros de Segurança no Trabalho
MT= Médicos do Trabalho / CST= Consultores em Segurança e Medicina do Trabalho
OUTROS= Outras profissionais ligadas á área e estudantes






[pic]


O empresário e a CIPA:

Um tema muito delicado foi levantadopelos profissionais participantes: a falta de compreensão dos empresários para com a necessidade de uma CIPA estruturada, forte, incentivada e atuante.
Técnicos de Segurança do Trabalho revelam que muitos empresários não possuem noção do que significa a CIPA ou possuem uma idéia superficial. Para eles (empresários) a CIPA é algo ligado a área de Segurança no Trabalho que por sua vez significagastos, perca de tempo, conflitos e pedidos sem fundamentos. É imprensidível o apoio da empresa para que a CIPA apresente resultados concretos. É necessário que o MTE invista na instrução de empresários em nível nacional para que a falta de incentivo acabe e para que a CIPA possa atuar.
Não se pode generalizar pois é fato que muitas empresas já descobriram a importância da CIPA, essencialmente grandesempresas, onde o SESMT já possui uma estrutura abrangente e exigente, com políticas de SST instaladas e em funcionamento.
Perante a norma, a empresa é a responsável pela CIPA e deve garantir a ela todo estrutura necessária para o cumprimento de seus objetivos. As relações entre o empresário e a CIPA devem ser pautadas pela harmonia e por um conjunto de objetivos comuns que tragam benefíciospara todos. Melhores condições de trabalho para seus empregados e economia a longo prazo para as empresas.
Cerca de 49% dos pesquisados que possuem CIPA nas empresas onde atuam consideram a atuação boa, mas sempre enfatizando a necessidade e a sobre de espaço para melhorias.

[pic]



Os profissionais de SST e a CIPA:

Na prática os profissionais de SST desempenham um papel de mediadoresdentro das comissões, equalizam as discussões entre representantes do empregador e empregado, dão um parecer técnico sobre cada assunto discutido e quase sempre absorvem as reações contrarias da diretoria sobre temas polêmicos.
A presença do SESMT nas reuniões da CIPA não é obrigatória mas na maioria das vezes ele é integrado com uma função neutra, exercendo a função de secretário da CIPA porexemplo, na verdade sua presença é tão indispensável quanto a própria existência da CIPA.
A pesquisa mostrou que a participação na CIPA é a primeira experiência de 37% prevencionistas na área de Segurança do Trabalho e que após serem membros de uma comissão despertam-se para o interesse em cursar o curso para formação técnica e para atuarem na área.



[pic]


A estabilidade:

A...
tracking img